Timber by EMSIEN-3 LTD
Blog

0 15

Correio Lageano tem construído uma situação estranha. Inclusive utilizando um leitor que não existe no filtro de nomes de moradores de Santa Catarina (Artur Vasco Moreira). O referido leitor aponta que ‘depois de passarem o Arnaldo Moraes para traz’ o vereador João Alberto Duarte é outro ‘que ficará de lado’. Mas há uma maldade enorme nesse contexto.


ARNALDO ‘PARA TRAZ’

Arnaldo Moraes não foi passado para traz pelo PP. Pelo contrário, ele teve autonomia para concorrer a prefeito pelo partido. E só não disputa porque faltam recursos financeiros e outros fatores complementares. Se Arnaldo desembolsasse os valores da campanha dos próprios recursos pessoais, por certo, poderia disputar. Até porque, o PP tem uma eleição ‘dureza’ para disputar em Floripa. Assim, é opção dele o recolhimento e não do partido que, sem Arnaldo, optou por coligar e indicar o vice. Embora o Correio Lageano tente transformar Arnaldo em vítima, no contexto, ele não é nada disso.


JOÃO ALBERTO DE LADO

Desde o princípio João Alberto Duarte já tinha decidido que não concorreria à reeleição para vereador. Não houve, portanto, desincompatibilização tardia. Ele deixou a ADR por uma outra estratégia de liberar aquela estrutura para a composição eleitoral em Lages. Tanto que ele não ficará na Câmara. Tão logo terminem os encaminhamentos e talvez a campanha, João Alberto retorna à ADR ou assume outra função na estrutura do Governo do Estado.

CL

O texto do Artur, cujo nome não consta da relação de moradores ou de nascidos em Santa Catarina. A menos que seja, naturalmente, algum leitor europeu ou de outra parte do mundo



LIA RAMOS TURISMO APRESENTA:

UM BOM ROTEIRO PARA O SEU FERIADO

PROLONGADO DA PADROEIRA DE LAGES

O Vale dos Vinhedos com passeio de trem e visita a Bento e Caxias com hotel e transporte. Tudo isso sem você se preocupar com os detalhes de viagem. Vamos para a Serra Gaúcha!Lia001

São poucas vagas restantes. Ligue na Lia Ramos e se informe sobre preços e condições. Acesse aqui e boa viagem!

8 131

Fonte ligada ao vereador Luiz Marin (PP) relata que ele não preteriu a ideia de concorrer a vice de Ceron. Pelo contrário, Marin desejaria encarar o desafio até por ser conhecedor de seu potencial de votos e agregação. A postura dele na reunião do PP na noite de sexta-feira, 29, declinando pelo nome de Juliano Polese ocorreu exatamente pelo perfil agregador. É que eram duas alternativas do partido para compor: Marin e Polese. E num primeiro momento a ideia seria uma votação interna no diretório. Mas como o resultado desse tipo de votação causa desagregação e até risco de racha, Marin optou por se recolher.

Marin

Embora nome de consenso, inclusive com a torcida pelo lado do PSD de que Marin seria o nome para compor de vice, ele optou por não rachar o PP e deixar que Juliano Polese seja o candidato na composição


PP EMITIRÁ NOTA

Partido Progressista emitirá nota a respeito dessa decisão na noite de sexta-feira, 29. Por causa do desgaste de Juliano Polese que pode dificultar a ‘venda’ da composição, existe uma retaguarda tentando ‘consertar’ a decisão tomada, colocando Marin e não Polese como vice de Ceron. “O vice pode não agregar em votos, mas não pode tirar. Marin agregaria votos, diferente de Juliano que há quem aponte que ele tira”, disse-nos uma pessoa ligada ao próprio PP.

1 49

A própria deputada Ângela Albino confirmou a composição do PC do B em Lages para a eleição deste ano. O partido que tem entre suas lideranças o suplente de vereador Agessander Belezinha e Edson Kakau, integrará a coligação com Antônio Ceron. Os candidatos a vereador irão se coligar na proporcional com o PSC presidido por Marcelo do Morro.

Belezinha

Belezinha cujo PC do B estará com Ceron a partir da homologação da convenção programada para dia 5 no bairro Petrópolis



PSB DEVE COLIGAR COM CERON

Pré-candidato a prefeito pelo PSB, Mário Hoeller, o Marião, deve ter seu partido integrando a coligação com o PSD. Tratativas finais devem acontecer antes da convenção e o PSB coligará na proporcional com pelo menos um candidato a vereador. Não há definição se o candidato será o próprio Marião ou um outro nome do PSB.

Mariao

Marião, cujo PSB deverá integrar coligação com o PSD em Lages



 RÁDIO CLUBE FAZ PRIMEIRA TRANSMISSÃO

DE JOGO EM FM NO TIO VIDA

Jogo entre Inter e Caxias apresenta uma estreia histórica. É o primeiro jogo do Inter em seu estádio a ter transmissão em FM pela Rádio Clube. A emissora que sempre acompanhou o time desde o início de sua história, independente da divisão, estará no estádio com uma equipe reforçada:

Narração: Élcio José

Comentários: Zé Mello

Reportagem: Rodrigo Silvério

Torcida geral: Daniel Goulart

Torcida arquibancada: Evandro Gioppo

Plantão no estádio: Edson Varela

Plantão de estúdio: Aline Fernanda

Serviço técnico: Edson Oliveira

Coordenação: Celeste Basquerotte

Ze

Zé Mello, um dos maiores jogadores da história do Internacional, está no time da Rádio Clube comentando a trajetória colocada rumo à Série C

0 26

Para você entender, carece explicar desde o princípio:

A chapa de situação foi definida com Marcos Beffart (PMDB) candidato a prefeito. Num primeiro momento o vice seria o vereador Almir Bittencourt (PDT). Pelas oposição viriam duas chapas: Francisco Pierre (PSD) e Casemiro de Liz (DEM) e uma terceira via tendo o médico Antônio Machado (PR) e um nome do PP como vice.


PORÉM

Numa altura das amarrações o PR optou por indicar o vice de Beffart através do nome do médico Antônio Machado. Isso desestruturou aquela composição com o PP. Na sequência os progressistas anunciaram Celso Rogério Alves Ribeiro, primeiro de Pierre, como candidato a prefeito pelo PP numa dobradinha pura com Josmar da Silva de vice. Tínhamos, portanto, três chapas: Beffart e Machado – Pierre e Casemiro – Celso Rogério e Josmar.

PierrePSD

Vereador Pierre nesse registro do ano passado com o governador, foi indicado para concorrer a prefeito pelo PSD em Correia Pinto


A REVIRAVOLTA

Na noite de sexta-feira, 29, vem a informação da alteração. Francisco Pierre (PSD) em informação ainda não oficial, teria decidido se recolher da disputa e ‘emprestar’ seu vice, Casemiro de Liz para o primo Celso Rogério (PP). Com isso, Correia Pinto tem apenas duas chapas: Marcos Beffart (PMDB) e Doutor Machado (PR) concorrem pela situação e na oposição Celso Rogério (PP) e Casemiro de Liz (DEM). Como dissemos, essa informação ainda não é oficial.

Beffart

Marcos Beffart (aqui com Mauro Mariani), concorrerá encabeçando a chapa da situação



  RESIDENCIAL TERRA: 

PRONTO PARA MORAR

Antes de adquirir um imóvel, leve em consideração a qualidade da obra, acabamentos, localização e facilidade para financiamento (via CEF). Considere conhecer o Residencial Terra que dispõe das últimas unidades à venda.

Terra02

Assim está ficando a parte de acabamento externo de um dos melhores empreendimentos de Lages

Mais informações aqui!

0 71

Como se previa, na convenção do PPS o prefeiturável Reginaldo Nascimento, o Pindaco, optou por composição e não para o projeto próprio e pessoal. Ele já vinha apontando a ideia de compor com o atual prefeito Luiz Carlos Xavier, Tio Ligas. A senha para a adesão foi o convite formulado pelo PSDB de entregar a vaga de vice a Pindaco, com o recolhimento de Silvano Cardoso. Com isso, ao invés de três, serão duas chapas na disputa em Otacílio Costa.


ASSIM

Na convenção do PPS da noite de sexta-feira, 29, deliberou-se pela composição do PPS com o PSD. Assim, Pindaco que obteve 1.137 votos na eleição de 2012, quando concorreu a prefeito, será o candidato a vice de Tio Ligas, cuja convenção do PSD para homologar a candidatura à reeleição acontece na boca da noite deste sábado. Pindaco deve comparecer já para homologar a própria chapa.

OCPindaco

Aquele grupo de lideranças de siglas como DEM, PSB, PSC, entre outras, decidiu pelo apoio a Altamir Paes. Mas o PPS estará com Tio Ligas, com exceção do presidente do partido, Cristiano Küster que declarou que na condição pessoal, independente do partido, apoiará a candidatura do peemedebista

PPS004

Pindaco aqui com Rubens Noveletto (esquerda) do PPS e a decisão do partido em estar com o PSD em Otacílio Costa na composição do pleito deste ano



PSD HOMOLOGA REELEIÇÃO

DE TIO LIGAS NESTE SÁBADO

Na verdade não homologa a reeleição, mas a candidatura para concorrer em busca de mais um mandato. A convenção do PSD será às 18 horas do sábado no bairro Fátima. Tio Ligas concorrerá à reeleição, mas o vice não será o mesmo. Em prisão domiciliar, Silvano Cardoso nem participa dos festejos pelo PSDB. Mas os tucanos estarão com Tio Ligas no projeto de reeleição, assim como outras siglas como PT, PDT, PRB, PP, entre outras.

LigasAmures

Tio Ligas preside o PSD, partido pelo qual buscará reeleição em Otacílio Costa

0 21

Talvez por estratégia, talvez como Plano B, o fato é que na convenção do PMDB em Otacílio Costa a decisão foi por uma chapa pura reunindo Altamir Paes e a vereadora ora atuante, ora licenciada, Salete Mello. Ela é irmã do ex-prefeito Nelson Mello de Liz e durante o mandato que está em curso como vereadora, por motivo de doença, Salete permaneceu mais tempo de licença que no legislativo de Otacílio Costa.


CERTA SURPRESA NA DEFINIÇÃO

A homologação da referida chapa pura do PMDB (Altamir e Salete) constará da ata que tem 24 horas para ser fechada. A decisão da chapa pura surpreendeu porque o PMDB optou por deixar siglas que anunciaram apoio apenas como coadjuvantes. Mas a providência pode fazer parte de alguma outra estratégia, visto que, embora com o nome homologado, Altamir Paes ainda precisa de uma decisão judicial (um recurso no TRE/SC) para poder concorrer (algo que é dado como certo que dará certo).

AltamirP

É do Correio Otaciliense a imagem da dobradinha do PMDB: A vereadora Salete Mello de vice e Altamir Paes de candidato a prefeito em Otacílio Costa


PERFIL DA VICE

Salete Mello é lageana, tem 59 anos e na eleição de 2012 foi a quarta vereadora mais votada do PMDB em Otacílio Costa com 463 votos. Como dissemos, por problemas de saúde ele passou boa parte do mandato licenciada da Câmara.

0 32

Nenhum vereador representou mais a oposição ao prefeito Elizeu Mattos que Juliano Polese (PP). Como ele não havia meio termo, arrecadando inclusive certo desgaste por conta dos posicionamentos. Mas tal postura obteve reconhecimento dos progressistas. Tanto que na reunião do diretório da sexta-eira, 29, foi batido o martelo: O PP quer Juliano Polese como candidato a vice na chapa de Ceron.

PoleseB

Juliano Polese foi apontado para compor com Ceron pelo PP


MARIN SE RECOLHE

O chamado nome natural para a composição era do vereador Luiz Marin. Tanto que o assunto se propagou e colegas de imprensa desde a adesão do PP à coligação com Ceron citavam Marin formando a dobradinha. Porém, um dos filhos de Luiz Marin já antecipava que ele não concorreria na majoritária. Na reunião do PP, o próprio Luiz Marin se recolheu e declarou voto ao colega de Câmara, Juliano Polese.

MarinPP

Pela ordem, os dois nomes mais naturais para a composição: Arnaldo Moraes que desde o princípio apontou que a vice não concorreria e Luiz Marin que, da mesma forma não quis a vaga


O DESGASTE DE POLESE

Embora tenha o perfil de jovem e agregador, trazendo votos inclusive de um segmento que talvez não estivesse com Ceron (jovens empresários cujo núcleo da Acil o Polese integra), o fato é que o vereador carrega certo desgaste. Ele frequentou o noticiário negativo em decorrência de supostas irregularidades quando foi Secretário de Saúde. O PP deve ter considerado isso, antes de bater o martelo.



DÚVIDA NA LISTA DE LICENCIADOS

PARA DISPUTAR A ELEIÇÃO

Internauta Giovana Cristina indaga sobre o fato de suas agentes públicas deixarem os cargos sem remuneração para concorrer no pleito em Lages:

“Edson, bom dia! Por qual motivo essas duas candidatas (Adriana e Zeni) não recebem seus salários, sendo que os outros candidatos recebem normalmente?”.


É QUE…

Tanto a Adriana quanto a Zeni não são servidoras públicas efetivas no município. A Adriana é Conselheira Tutelar e a Zeni Agente de Saúde. Nos dois casos de afastamento, não há direito a manutenção dos salários.

0 68

Naquele teoria do copo com a metade de água que para os otimistas está meio cheio e os pessimistas consideram meio vazio, a geração de emprego em Lages pode ser interpretada de dois ângulos. É que no sexto mês do ano, apesar de um mar de oportunidades de trabalho no Banco do Emprego, a chegada de novas empresas e outros fatores, Lages demitiu mais que admitiu. O número não é tão alto, mas contribui para as 8.290 vagas fechadas no Estado. Houve uma variação de – 0,19 na geração de emprego na cidade com 74 pessoas ficando sem trabalho, naquela matemática dos números que considera admissões e demissões. Os dados consolidados são do Ministério do Trabalho.

Berneck-D

A propósito sobre geração de empregos, alguém tem alguma explicação pelo esfriamento do assunto relacionado à implantação da Berneck em Lages. Indústria era para estar a caminho naquele local ali embaixo da sete, nas terras da Fazenda Cruz de Malta às margens da BR-116. Mas como canta o padre, por enquanto, nada, nada, nada!



PROIBIDO ESTÁ, MAS DAÍ…

Ah! Então o Ministério Público recomendou e a Secretaria de Meio Ambiente acatou a determinação para seguir o Código de Posturas e não distribuir panfletos para não incomodar os pedestres? Sei…

Panfleto

Distribuir não pode, mas na rua assim não tem problema. Ou seja, persegue-se uns e outros ficam à vontade. A medida apenas enfraquece quem tem o poder/dever de mostrar autoridade, quando não se consegue levar adiante uma determinação. E não culpem o comerciante. Para gerar movimento e emprego ele precisa ser criativo!

3 158

Pela legislação, quem é servidor público e deseja concorrer no pleito, pode se licenciar e continuar recebendo durante os 90 dias que antecedem o pleito. Em anos anos anteriores houve caso de quem se licenciou, mas não foi para o trecho em busca de votos. Desta feita não tem opção. Se saiu para concorrer e continua ganhando, terá que disputar, sob pena de estar cometendo crime.


OBSERVATÓRIO SOCIAL

LEVANTOU OS DADOS

Pelo menos 19 servidores municipais de Lages requereram licença remunerada por três meses para concorrerem a mandato eletivo no próximo pleito. Ao todo 17 deles terão licença remunerada e 2 serão licenciados sem direito a remuneração.


E ASSIM

Além destes servidores estarem devidamente inscritos como candidatos a cargos eletivos, também deverão demonstrarem que, efetivamente, estão comprometidos com a sua campanha eleitoral, o que inclui a busca de recursos financeiros, a realização de despesas com o pleito e a captação de votos.


UM ALERTA

Caso os servidores públicos tenham requerido o afastamento apenas para lazer ou férias, ou ainda para se dedicar a campanhas de terceiros, o que poderá ser comprovado pelo quantitativo de votos recebidos nas urnas e pelo valor de recursos captados/gastos na campanha, poderão responder por improbidade administrativa, inclusive com a possibilidade de perda do cargo público.


OBSERVATÓRIO SOCIAL APONTA

Se você conhece casos em que há indícios de que a licença remunerada foi requerida para outros fins, e não o de realizar a campanha eleitoral, denuncie na Procuradoria Geral Eleitoral de Santa Catarina no endereço http://eleitoral.mpf.mp.br/ ou no Ministério Público neste link http://goo.gl/kHyGiB


A RELAÇÃO DOS LICENCIADOS

PARA A DISPUTA NO PLEITO

Observatorio

Observe-se que nenhum desses nomes está cometendo irregularidade, desde que concorra ao pleito, conforme a razão do pedido de licença. Haveria a irregularidade se afastados para a disputa, não praticarem ações que evidenciem a busca de votos, razão pela qual estão sendo remunerados mesmo sem trabalhar.


Informações do Observatório Social de Lages

1 83

Bastante econômico nas palavras, o presidente do PPS de Lages, Toni Duarte, confirma que o prefeito Elizeu Mattos convidou na semana passada para a reedição da dobradinha vitoriosa de 2012 para o pleito de 2016. De acordo com Toni, o convite foi feito, mas como ele não decide sozinho, encaminhou o assunto para decisão do partido. “Vamos aguardar para nos posicionar em cima daquilo que o partido decidir”, limita-se a apontar Toni.


ASSIM

A coligação PMDB e PPS é explicável por causa da condução das questões no Paço. Foi uma administração sem atrito entre prefeito e vice (pelo menos não se exteriorizou isso). Toni poderia ter sido mais severo na condução da prefeitura na interinidade de 10 meses, mas optou por respeitar o cenário imposto pela prisão e afastamento de Elizeu. Existem outros caminhos para o PPS neste momento além da reedição da dobradinha. E talvez isso esteja sendo analisado pelo partido antes de um tamo junto definitivo.

Toni01

O assunto sobre coligação tem posicionamento do partido num todo, mas passa principalmente pela articulação das duas lideranças que aparecem no registro acima



AGENDAS DE CONVENÇÕES

Ao chamarem filiados para a convenção, alguns partidos já fazem um anúncio prévio de coligação. DEM, PT do B e PSDC anunciam a convenção a ser realizada no dia 5 de agosto no mesmo horário tendo como local a sede do PMDB.


E MAIS

PT e PTB que estão na administração de Elizeu informam convenção no 5 de agosto em suas sedes, assim como o PC do B, cujo presidente Agessander Belezinha chama os filiados para a prosa de definição no bairro Petrópolis.