Elizeu: “Não tem uma decisão tomada ainda”

Elizeu: “Não tem uma decisão tomada ainda”

0 212

Conversamos com o prefeito Elizeu Mattos sobre a possibilidade bastante clara dele não concorrer à reeleição. Cauteloso, o prefeito não dá como favas contadas a hipótese, num propósito de costurar o eventual recolhimento. Eis o que ele fala:


O que há de fato sobre os fatos?

Elizeu – “Li o que você escreveu. Não é bem aquilo. Não tem uma decisão tomada ainda. Quem vai construir isso somos nós, aqui. Não há intervenção externa. Conversei com o Eduardo Moreira (vice-governador) e o PMDB tem isso de decidir por si, sem imposição”.


O que lhe faz pensar na hipótese de não disputar?

Elizeu – “A doença da Cris voltou e o culpado sou eu por causa do estresse que ela enfrenta. O estresse agrava. E eu não vou fazer loucura. Tenho que proteger a família. Estou indo com a Cris para Itajaí onde vamos analisar mais um tratamento. Vou conversar com ela. Minha decisão passa principalmente pela minha família”.


Quais são os passos até a convenção?

Elizeu – “Depois de Itajaí vou passar por Florianópolis onde converso com o Coruja. Ele é fundamental no processo. E com ele vamos analisar cenários. O fato é que não posso abandonar o projeto do PMDB. Independente do que decidirmos quero o PMDB fortalecido”.


O que diz a pesquisa que o senhor encomendou?

Elizeu – “Recebemos os números de uma pesquisa. Tive cuidado de fazer cenários sem meu nome como candidato. Tenho noção da realidade, de onde é possível crescer. Quem tem melhores condições. E garanto que o nosso grupo, numa boa composição, estará muito fortalecido”.


Elizeu – Mas se o senhor fez pesquisa sem seu nome, trabalhou então com a hipótese de não concorrer?

Elizeu – Foi semana passada, quando da análise do quadro de saúde da Cris (primeira dama) que trabalhei com a possibilidade de não disputar. Por isso a pesquisa para avaliar os outros nomes!


O que significaria não concorrer à reeleição?

Elizeu – Como disse, não trabalho com essa hipótese como definitiva ainda. Mas se eu não for candidato, consigo terminar a administração numa boa. A cidade está bem. A administração está bem. Temos excelentes dados. Melhoramos muito. E se eu não for candidato, não tenho desgaste. Não serei o foco!


Conversou com Roberto Amaral de ontem para hoje?

Elizeu – “Não. Ele me ligou e não atendi. Temos que ter calma, cautela”.

ElizeuIdeli

Prefeito Elizeu que tem até sexta-feira para tomar a decisão de concorrer ou não. E em se recolhendo precisa fazer costuras porque a ideia é, mesmo fora da disputa, seguir protagonista no processo eleitoral

Sem comentarios

Deixe uma resposta