Queixinho e Luiz Marin caem nas garras do ‘Pardal’

Queixinho e Luiz Marin caem nas garras do ‘Pardal’

1 329

Candidatos a vereador em Lages foram os primeiros da região a cair nas garras do sistema de fiscalização denominado Pardal. Trata-se de uma ferramenta onde a Justiça Eleitoral recebe denúncias sobre supostas irregularidades e, em havendo indícios de incorreção, ocorre a representação ao Judiciário. Foi o que ocorreu, por exemplo, com o candidato a vereador Queixinho (PTN). A propaganda foi considerada irregular e, por conta disso, o Promotor de Justiça Eleitoral da 21.ª Zona, Renee Cardoso Braga, entrou com a representação pedindo para retirada da propaganda da maneira que foi colocada no veículo, bem como a aplicação de pena de multa.

pardal001

A multa prevista, caso o juiz eleitoral Geraldo Corrêa Bastos considere a propaganda irregular, varia entre R$ 2.000,00 e R$ 8.000,00


MARIN TAMBÉM

A mesma situação envolvendo a propaganda irregular num veículo mereceu uma representação ao candidato a vereador Luiz Marin (PP). A ele foi feita a notificação para corrigir a propaganda, cabendo ao Juiz Eleitoral decidir sobre a aplicação de multa ou não conforme prevê a lei.



CONSTRUTORA TERRA APRESENTA O

SEU NOVO EMPREENDIMENTO EM LAGES

terrat

Este é o Residencial Távora Tigre. O novo empreendimento que leva a marca Terra Engenharia. Construído dentro dos padrões exclusivos da Terra Engenharia, este residencial é especialmente para você que deseja morar bem num conceito diferenciado de bem viver!

Todas as informações estão aqui!

SIMILAR ARTICLES

1 Comentario

  1. Boa tarde
    O que ha de errado em colocar adesivos no carro, onde que isso é crime eleitoral????
    e se for sobre as imagem que ficam em cima nas caixas de som, aquilo não é propaganda eleitoral, e sim de trabalho particular.

    vão averiguar o caso antes de publicar!

Deixe uma resposta