PRF apreende quase uma tonelada de maconha

PRF apreende quase uma tonelada de maconha

1 559

A quantidade da droga apreendida chama atenção. Numa abordagem da PRF na BR-101 em Joinville foram encontrados 800 quilos de maconha em tabletes. A droga era transportada por Gean Carlos Martins que trazia a maconha de Cascavel/PR para ser comercializada em Joinville.

prf01

No ‘mercado do tráfico’ esse carregamento renderia mais de R$ 1 milhão aos traficantes

prf02

A droga estava na cabine e no banco do passageiro de uma caminhonete Hyllux que tinha chassi adulterado e registro de roubo na cidade gaúcha de Campo Bom.



MAIS PRF EM AÇÃO

O mano Evandro Vieira compartilha outra ação importante da PRF que, em parceria com a Receita Federal, fizeram uma abordagem em Rio Negrinho. Um caminhão (por coincidência) também de Cascavel/PR transportava dois duzis calibre 5.56 com dois carregadores e 70 munições, além de uma psitola 380 com dois carregadores e 81 munições.

prf03

Aqui uma ideia do armamento apreendido na ação da PRF. Material é importado e, nesse caso, caracteriza contrabando, visto que se trata de armamento cuja entrada no mercado brasileiro é proibida

prf04

O homem de 53 anos que conduzia o caminhão com o armamento foi preso


Imagens: PRF/SC

1 Comentario

  1. Só um adendo. O fuzil ou rifle calibre 5.56 é de uso exclusivo das forças armadas e/ou segurança. Porém, a pistola calibre 380ACP (mostrada na foto refere-se ao modelo G25 da Glock) NÃO é proibida e nem restrita. Qualquer pessoa com CR ativo e as autorizações da Polícia Federal e exército (como é o meu caso) pode ter registrada uma arma dessas. Porém não portá-la. A proibição a qual vc se refere talvez deva-se ao fato de que hoje existe uma lei, sancionada no governo Lula que diz que se existir no mercado nacional, arma que possua modelo semelhante ao importado, deverá ser usada a arma nacional. Caso da Imbel e da Taurus.

    Mas não justifica o cidadão preso tendo estes armamentos em seu poder.

Deixe uma resposta