Contraste do tripé da economia na Coxilha Rica

Contraste do tripé da economia na Coxilha Rica

1 290

Além da beleza sem fim dos descampados na imensidão da Coxilha Rica, essa região de Lages passa a contrastar suas três principais riquezas econômicas que tomam conta do cenário: a criação de gado, que sempre foi tradicional, mas agora se intensifica com investimentos em genética; o reflorestamento, ocupando predominantemente áreas mais pedregosas e a agricultura em larga escala, com lavouras de soja e outras culturas.

coxilha004

Essa imagem que pego emprestada de um frequentador da Coxilha Rica no último sábado pela manhã, permite a visão do contraste entre a lavoura, a pecuária e ao fundo o reflorestamento. Quer harmonia melhor? Então olha a imagem abaixo…

coxilha005

O registro também é do sábado, 04 de novembro, com esse exemplar de veado campeiro, cujos chifres evidenciam alguns anos de vida, solto nas pradarias da Coxilha, sem ser incomodado por intrusos.

Coxilha003

Claro que quando o estradão de chão batido for asfaltado vai ficar melhor ainda!



LIA RAMOS TURISMO APRESENTA:

CONSÓRCIO PARA VIAGENS!

Lia Ramos Turismo, além de atuar com as melhores operadoras de viagem do Brasil e do mundo, firma aliança com a Canopus e lança agora, com exclusividade, a mais nova opção no mercado de turismo, o consórcio de viagens. Clique aqui e confira as novidades!

lia2016

Com o Consórcio Canopus, após a contemplação de sua carta de crédito, você pode realizar a viagem para qualquer lugar do mundo. Seu crédito pode ser utilizado em uma única viagem, ou em vários destinos, por você e seus familiares. Créditos de R$ 9.000,00 a 18.000,00 em até 55 meses a partir de R$ 218,00. Ligue: (49) 3222-2920 e solicite uma visita de um de agente!

 

1 Comentario

  1. A questão é basilar, ou queremos o desenvolvimentismo ou queremos a preservção e a continuidade destas espécies de fauna da Coxilha Rica, os dois quereres foge um pouco da normalidade produtiva dos novos tempos e no futuro só existirá o animal homem na face da Terra.

Deixe uma resposta