Lages: Credores sofrem com inadimplência do Paço

0
1394

Pense em fechar um ciclo da sua vida no absoluto vermelho (gastando mais do que arrecada). Assim está a Prefeitura de Lages. E a dívida não é com aqueles convênios a médio e longo prazo ou com financiamentos a perder de vista. Mas com fornecedores ou detentores de convênios que convivem conosco no dia a dia. Gente que contava com o dinheiro do município para as questões mais básicas. Tem cada história de credor da prefeitura mais triste que a outra. Lamentável!

prefeiturab

Na hora da transição os números devem se apresentar equilibrados porque o papel aceita tudo, mas na prática, junto àqueles que têm dinheiro para receber da prefeitura é uma lástima só…


EXEMPLO DE VÍTIMAS DAS DÍVIDAS

DA PREFEITURA DE LAGES

Não é nem crítica, porque a essas alturas, nem isso resolve. O que temos é lamento por esse caos contábil que se instalou no Paço. E a colega Olivete Salmória coloca em sua página um exemplo típico desse desrespeito da Prefeitura com aqueles que contavam com aporte periódico. Observe:

creche


CRECHE FAZ TRABALHO

QUE CABE AO MUNICÍPIO

E para que você não pense que os R$ 6 mil mensais são recursos a título de colaboração que a Prefeitura de Lages repassava à Creche Lar do Caminho, atender o ensino infantil é tarefa do município. A entidade que mantém a creche lança a mão de apoio e solidariedade com essa ação. São 50 crianças atendidas na creche. Pequenos que passam a depender da caridade porque, sem repasse faz mais de 90 dias, torna-se insustentável a situação, porque a creche precisa pagar folha de funcionários e fazer o custeio.


ENQUANTO ISSO…

A Prefeitura de Lages está mesmo perdida em termos de prioridade. Enquanto até as creches mantidas em parceria com o município – e a Lar do Caminho é uma delas – estão sem receber há mais de 90 dias, durante o domingo a prefeitura colocou no ar na RBSTV uma peça para comemorar os 250 de Lages.

toni15

O que é mais urgente, prefeito? Uma comemoração de aniversário ou manter creche funcionando?

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here