Chapecó: Imagens da dor na despedida à Chape

Chapecó: Imagens da dor na despedida à Chape

0 343

Santa Catarina protagonizou um dos momentos mais tristes de sua história: a despedida de jogadores, dirigentes e convidados da Chapecoense, que embarcara para disputar sua primeira final Internacional, cujo avião caiu na Colômbia. Ao todo foram 71 mortos. Em Chapecó, o sábado foi de desolamento. João Carlos Matias captou uma sequência de imagens que a gente compartilha aqui em reverência e respeito ao que aconteceu:.

adeus005

Pelas ruas, na distância de 9 quilômetros entre o aeroporto Serafim Bertasso e a Arena Condá o gesto de carinho de quem viveu todos os momentos das conquistas da Chapecoense!


O CHORO COLETIVO NA ARENA CONDÁ

adeus02

Uma sequência de imagem que resume a dor e tristeza de uma cidade na despedida dos homens de verde!

adeus003

Sábado de chuva tornou a solenidade ainda mais comovente e doída para os presentes e àqueles que assistiram ao todo o Brasil

adeus004

O estádio que virou palco da despedida coletiva apresentou gestos de dor, tristeza e carinho com aqueles que ficam!

adeus008

O time do Oeste e sua simbologia com os mascotes e os meninos que testemunham o dia mais triste da história da equipe

adeus007

A tristeza, o choro de quem não se conforma com o ocorrido, envolvendo famílias, amigos e torcedores!

adeus006

O desespero na despedida, o incredulidade com aquilo que se passa diante dos olhos. Coisa muito triste!

adeus009

Uma dor que uniu desde os mais simples torcedores até aqueles que ajudaram a construir aquilo que a Chapecoense se transformou!

adeus010

O choro incontido do torcedor pelo que testemunhou em campo e aquilo que via na despedida dos guerreiros da Chape!


UMA MÃE QUE EMOCIONOU O BRASIL

adeus001

Dona Ilaídes Padilha, mãe do goleiro Danilo, nessa sequência de imagens dela consolando o repórter Guido (SporTV) pela morte de colegas de imprensa. O filho no auge da carreira e a dor na despedida que ela mostrou força, fé e solidariedade!


Imagens captadas por João Carlos Matias

Sem comentarios

Deixe uma resposta