Gaeco faz operação em Campo Belo e Cerro Negro

0
1102

Empresários que participaram de licitação e um servidor municipal (que trabalhou em Campo Belo e atua em Cerro Negro) foram conduzidos à sede do Gaeco em Lages. A operação faz parte da sequência de uma investigação em curso que apura fraudes em licitação.


PREFEITO NÃO TEM ENVOLVIMENTO

Circulou em grupos de rede social a informação de que o prefeito Padre Edilson (Campo Belo) teria sido conduzido ao Gaeco. Em contato com ele, o mesmo esclareceu que está no gabinete da prefeitura trabalhando normalmente. “Não temos envolvimento no caso”, limitou-se a dizer, até para esclarecer os boatos.

gaeco13

Movimentação na sede do Gaeco nesta terça-feira foi intensa por conta da chegada de agentes com documentos apreendidos para fechar a investigação relacionada à suspeitas de fraudes em licitação em dois municípios da Região dos Lagos

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here