Seplan: Bons projetos e banco de dados de herança

0
508

Engenheiro Clayton Bortoluzzi ou quem o suceder na área de planejamento da futura administração encontrará um acervo de bons projetos que ajudam nas melhorias de urbanização, mobilidade e perspectivas de Lages. Tudo elaborado ou articulado pelo secretário Jorge Raineski e sua equipe na Seplan. A gama de ações executadas (algumas deverão ter sequência pela importância que representam) evidencia a abrangência da área de planejamento, gerando dúvida se seria possível ter a Seplan e Infraestrutura num mesmo guarda chuva, em termos de gestor (secretário).


VÁRIOS PROJETOS

Ao longo da nossa vivência aqui pela página, vamos abordando alguns desses projetos. Mas de todos, aquele que merece um olhar clínico e aposta em continuidade é o georeferenciamento de Lages. A partir dele é possível ter ali no computador, os dados mais diversificados da cidade. Permite ainda planejar ações, pensar soluções e inovar em diversas áreas.

Aqui apenas uma ideia do que o Georeferenciamento disponibiliza para quem operá-lo. Há dados minuciosos de cada ponto de Lages, permitindo, a partir disso, planejamento e execução de ações com a precisão que somente a modernidade permite. Acima é o entorno do ginásio Jones Minosso!

Este outro prospecto mostra a perspectiva aérea e a localização de determinado ponto, tornando essa ferramenta essencial para ações de intervenção do poder público e inclusive para atualizar a chamada planta imobiliária para fins de IPTU – algo que por sinal já se faz a partir do georeferenciamento!


IDEIAS INOVADORAS

Está pronto, por exemplo, um projeto que prevê a instalação de uma rotatória no cruzamento das avenidas D. Pedro II e Brasil. Algo moderno e que atende a ideia de mobilidade, até porque, embora rotatória não seja uma  solução simples, ela é universal e dá uma dinâmica gigante no trânsito.


REFORMA DA RODOVIÁRIA

Com recursos assegurados através de emenda do Senador Dário Berger, o projeto para reformar e dinamizar o Terminal Rodoviário de Lages (cujo nome homenageia o bispo Dom Honorato Piazera) está pronto. Ele aponta soluções que deixarão o terminal rodoviário moderno, funcional e de uma acessibilidade importante.

Aqui uma espiada no projeto elaborado pelos arquitetos da Seplan, sob a coordenação do secretário Raineski

Ideia é aliar acessibilidade, mobilidade e conforto para quem utiliza o Terminal Rodoviário

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here