Natal Felicidade ‘passa de ano’ pelo êxito

Natal Felicidade ‘passa de ano’ pelo êxito

1 923

Nesse universo de 23 pessoas com status de secretário que se despedem do Paço, há gratas surpresas. Quase a metade fez jus ao cargo. Porém, mais da metade não disse a que veio. Coloque na lista da quase metade que deu conta do recado nomes como Raineski, Chiodelli, Lunardi, Flavinho, Panek, Pedro Marcos, Joinha (o coringa do Paço), Hampel quando secretário e mais um ou e outro!

Flavinho, que fechou com louvor sua atuação como secretário de Turismo, apesar das limitações a ele e à equipe impostas. No registro o Flavinho é esse da esquerda!


POR FALAR NO FLAVINHO

O secretário de Turismo confirma gastos na ordem de R$ 1 milhão e 50 mil com o Natal Felicidade. Apenas os cinquentinha foram dos cofres do Paço. O restante veio através de articulação: Carmen Zanotto (R$ 200 mil através de emenda), Governo do Eestado (R$ 180 mil), de diversos patrocínios de empresas locais (R$ 100 mil), da Caixa (R$ 50 mil) e mais de R$ 500 mil captados através da Lei Rouanet.

O Natal Felicidade nos 23 dias de surpresas e boas atrações em Lages


SALVE O NATAL FELICIDADE?

O êxito do evento deste ano pode ter salvado-o para edições futuras. Havia (e talvez ainda exista) um repensar no Natal Felicidade pela nova (futura) administração. O fato dele ficar concentrado em duas ruas e duas praças, sem aquele envolvimento mais amplo. O transtorno decorrente do engessamento no trânsito de um Centro já engessado. Tudo isso fazia pensadores das internas da futura administração avaliar o evento. Mas com o êxito e algumas garantias para a edição futura (dinheiro e estrutura), talvez o Natal Felicidade siga. De repente a presença e participação maior do comércio – que é o que mais fatura com a muvuca no Centro – posse ser buscada. Fora isso o Natal poderá continuar sendo Felicidade em Lages!

 

1 Comentario

  1. Eu sou totalmente a favor da iluminação natalina e dos shows, na verdade acho um absurdo uma cidade como Lages ficar discutindo se mantém ou não enfeites para o próximo natal, ao contrário nossa cidade pode se aproveitar e fazer turismo com o natal, será que não entra na cabeça de nenhum governante tentar aplicar em nossa cidade e região algo semelhante com o realizado em Canela/Gramado, não uma cópia mas claro aproveitando ideias? Senão vejamos, nós temos um clima bastante agradável mesmo em dezembro (alguns dias como hoje quentes, mas tivemos alguns dias bem frios), nós temos uma ótima localização geográfica, temos um aeroporto com capacidade e outro a ser inaugurado muito em breveo, temos voos regulares, temos estrada de ferro, e ainda temos belas cidades e paisagens em nossa região, cidades estas que também poderiam se beneficiar deste turismo, temos tudo aqui mas nada é aproveitado como deveria, por que não aproveitar esses pontos positivos e ao invés de pensarmos se faremos a ornamentação do ano ano que vem, tentar fazer uma iluminação muito melhor que a atual? Mas muito melhor mesmo, melhor no sentido de ser melhor que aquela do finado brilho de natal do fim dos anos 90 que ficou em nossas memórias, com a catedral e as praças completamente iluminadas, uma iluminação que era diferente da adotada hoje que era mais viva mais bonita, isso muito bem planejado e pensado antecipadamente com a parceria de hotéis, agências de viagens, comércio, CDL, empresa aérea, etc… Me recordo bem que no fim dos anos 90 a cidade foi referência na ornamentação natalina e até copiada por outras, muitas pessoas vinham de fora nos visitar e ver a iluminação natalina e ficavam deslumbradas com o que viam aqui é a isso que me refiro como bonito, aliás até hoje não entendo por que não aprimoraram aquela ideia implementando nosso turismo ao invés de simplesmente fazer algo mais simples.

    Dentro desta ideia de uma ornamentação natalina de ponta, poderíamos aproveitar e também movimentar nossa linha férrea com um passeio de trem com temática natalina, ainda mais que temos belas paisagens na Coxilha Rica que combina muito bem com o período natalino, neste trem poderíamos ter papais Noéis, música natalinas, etc, seria um passeio realmente divertido.

    Sei que são ideias que podem parecer utópicas, mas entendo que são ideias possíveis e que inclusive já foram parcialmente realizadas em nossa cidade, a cidade bem como a região tem um potencial enorme tanto na economia quanto no turismo, infelizmente nossa região se apequena e acha que não pode concorrer turisticamente com o litoral pois não temos praias, no entanto, temos paisagens maravilhosas pouco divulgadas e trabalhadas, então ao invés de pensarmos se precisamos do natal felicidade por que não o fazer um marco turístico na nossa região?

Deixe uma resposta