Lages Business: O empreendimento é as veras?

1
981

Uma das dívidas da prefeitura de Lages foi criada com a colaboração do próprio atual que comanda o Paço. Tratam-se daqueles R$ 7 milhões para a SC Parcerias, valor esse para entupir o custo do terreno que foi doado para a Sinotruk. Verdade que a prefeitura somente terá que pagar quando uma empresa se instalar nos descampados de Índios. Mas vai ter que pagar, cedo ou tarde. Para ver se a ideia do empreendimento Lages Business Center – que substituiria a Sinotruk e se constitui um condomínio empresarial – é as veras, na agenda de Floripa o prefeito Ceron conversou com diretores do grupo Koch, que venceu a licitação para explorar o local.

Ceron proseou com o diretor do Grupo Koch, Volnei José Koch e demais integrantes do grupo empresarial. A partir dessa conversa o Gringo definirá o posicionamento da nova administração sobre o assunto.

O projeto final previsto para Índios contempla urbanização e ocupação do futuro distrito industrial, além de um condomínio empresarial com 25 empreendimentos e movimentação de investimentos na ordem de R$ 400 milhões, valores esses informados pela Secom do Paço

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “Redenção da economia”, hora, de fosse economicamente viável porque a iniciativa privada não teve essa ideia antes?

    Caso seja eu empresário, posso muito bem comprar aquelas terras (ou outras terras próximas da 282 e da 470) e criar meu “condomínio industrial”;

    Sempre existem Keynesianos para dizer: “o governo gera emprego e renda”; Ooo se gera!

    Se duvidar doarão os terrenos para “empresas parceiras”, que geram muito “emprego e renda”;

    Falando nisso, o que aconteceu com o centro de distribuição da Volpato?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here