Apreensão de pinhão em Painel e araucária em C. Pinto

0
1938

O cardápio dos 53 idosos que vivem no Lar do Menino Deus ganhará um reforço nutricional. A instituição recebeu cerca de 100 quilos de pinhão da Polícia Militar Ambiental. A doação é resultado de uma apreensão feita na localidade de Casa de Pedra, no interior do município de Painel. A guarnição chegou ao local depois de uma denúncia de colheita precoce.

Além de complementar a alimentação dos idosos, debulhar as pinhas para separar as sementes se tornou uma atividade a mais no cotidiano e muito prazerosa para alguns deles. A coordenadora do Lar de Idosos, Ione Terezinha da Silva, diz que esse tipo de doação raramente chega à instituição.


ANTES DE SÁBADO NÃO COLHA!

Comandante da Polícia Ambiental em Lages, major Adair Alexandre Pimentel, reforça que a colheita do pinhão será liberada a parir do dia 1 de abril, conforme Lei Estadual nº 14,457/2011. Nos casos de apreensão, o autor do crime é multado e responderá a processo administrativo ambiental. O produto apreendido sempre é destinado a uma entidade ou instituição beneficente. “A Polícia Ambiental faz uma avaliação criteriosa para escolha de quem será beneficiado. Sempre tentamos distribuir as doações de forma que atenda o maior número pessoas”.



OUTRA ATUAÇÃO DA POLÍCIA

AMBIENTAL NA SERRA

Atendendo denúncia a Polícia Militar Ambiental de Lages apreendeu 23 toras de araucária no interior do município de Correia Pinto. O material totalizou 5,27 metros cúbicos de madeira e 46,6 metros cúbicos de aparas de costeiras. Dados levantados pela guarnição de Curitibanos dão conta de que foram cortadas 135 toras. “Pelas cepas encontradas no local, uma área de 1,5 hectare foi devastada”, conta o cabo Michael Assis Andrade.

O autor do delito responderá processo administrativo e criminal. A área será embargada até decisão do processo e a madeira destinada para uma entidade ou instituição social.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here