Matakiterani: Nota máxima em projeto de Lages

0
1169

O que um senhor como esse pode levar para uma sala de aula?

Pode e está levando vivência, histórias, informações e conhecimentos através de um dos projetos desenvolvidos pela Matakiterani Associação Cultural.


PROPOSTA DO MAKITERANI

OBTÉM NOTA MÁXIMA NA FCC

Proposta da Matakiterani Associação Cultural de desenvolver o projeto Vivências criativas de tradição oral na escola foi habilitado para receber recursos do Edital de Chamamento Público de Projetos Culturais de 2016, da Fundação Catarinense de Cultura.  O projeto lageano obteve nota máxima de 100 pontos e conquistou a primeira colocação entre os 50 selecionados, com base nas melhores notas. A análise de mérito foi feita pela Comissão de Seleção da FCC. Ao todo, o Chamamento Público de Projetos Culturais recebeu 134 projetos de 42 municípios catarinenses, sendo 68% de fora de Florianópolis.


NA PRÁTICA EM ESCOLA DE LAGES

Gerente do projeto, Gilson Máximo de Oliveira explica que a ideia é financiar o esforço da equipe técnica e material necessário para realização de vivências criativas de saberes da tradição oral na Escola Municipal de Educação Básica Izidoro Marin, no bairro Caroba.  Durante 20 semanas serão atendidos 600 alunos do ensino fundamental, durante o turno escolar.

Essa será uma continuidade das ações da Matakiterani no bairro Caroba, onde atua desde 2001. Foco é a valorização da tradição oral e cultura popular por meio da transmissão de saberes dos mestres e sua reinvenção em produtos educacionais.


Informações: Catarinas Comunicação

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here