Procon quer mais informações nos preços em Lages

1
516

Procon de Lages deve iniciar campanha junto ao comércio local para deixar ainda mais claro os valores dos produtos para o consumidor, especialmente nas vendas a prazo. O Executivo do Procon,  Júlio Borba, esteve na CDL para tratar deste e outros assuntos. A legislação que estabelece as formas de divulgação dos valores dos produtos à venda já existe. A ideia fazer com os empresários compreendam e sigam as orientações conforme diz a lei.

Executivo do Pronto no diálogo na CDL com a presidente Rosani Pocai e outros lojistas


ASSIM

Júlio explica que tanto os valores dos produtos pagos à vista quanto a prazo devem estar óbvios para o consumidor. “É um direito do comprador saber o valor total daquilo que pretende adquirir, e não apenas o valor da parcela, por exemplo”. Na campanha, o Procon pretende trabalhar primeiro com orientação aos comerciantes.


DEMANDAS NO PROCON

Em relação ao comércio local, o executivo reforça que o Procon recebe eventuais reclamações. “A maior parte das nossas demandas é das grandes de lojas de departamentos e de telefonia”, explica.  Os problemas com os sistemas de telecomunicação também são enfrentados pelos empresários. “O Procon se dispõe a fazer um atendimento preliminar aos comerciantes porque tem vários canais para encontrar a resolução para muitas questões e com mais agilidade”.


Informações: Catarinas Comunicação

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Não apenas os preços devem ser fiscalizados. Comprei dois itens diferentes, em duas lojas diferentes, e tive os mesmos problemas: na loja, o atendente garante que a entrega e montagem pode ser feita no sábado, e durante a semana tenho entregador e montador me ligando dizendo que eu não estou em casa. Se a loja me garante tal serviço no sábado, porque essa informação não é repassada para o entregador e para o montador?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here