Frente avalia Greve Geral em Lages e na Serra

4
431

A Frente Brasil Popular – Regional Planalto Serrano emite nota sobre o movimento de greve. Inicia contextualizando e taxando de golpe a saída de Dilma do poder e a chegada de Temer e, a partir disso aponta:

“A Greve Geral do dia 28/04 foi um passo importante na junção de forças, de diversos setores da sociedade, independente de partidos e ideologias políticas, uma vez que toda a classe produtiva do país será prejudicada, excluindo apenas os donos do capital e as elites financeiras, usurpadores dos meios de produção, sonegadores e devedores do Estado brasileiro.  A Greve Geral, em toda sua inteireza, reuniu em todo o Brasil quase 40 milhões de pessoas, com um reflexo muito positivo na região serrana de Santa Catarina”.


ATO NO PATUSSI

“O ato ocorrido em São Cristóvão do Sul, no Trevo entre as BR 116 e BR 470, reuniu aproximadamente 1000 pessoas (…). Estiveram reunidos trabalhadoras e trabalhadores de diversas cidades, como Anita Garibaldi, Cerro Negro, São José do Cerrito, Curitibanos, Correia Pinto, Otacílio Costa, Ponte Alta, Campos Novos, Joaçaba, São Cristóvão do Sul, Pouso Redondo, Alfredo Wagner, entre outras. Foram 5 horas de bloqueio ininterrupto das rodovias, onde não houve qualquer depredação ou problema ocorrido. Pelo contrário, motoristas, apesar do cansaço e da espera, afirmaram que concordavam com as reivindicações”.


GREVE EM LAGES

“O ato grevista ocorrido em Lages (…) reuniu aproximadamente 2.500 pessoas, aglutinando mais uma vez diversos setores da sociedade e movimentos populares. A população manifestou seu apoio e caminhou junto pelas ruas da cidade em defesa dos direitos de trabalhadoras e trabalhadores. Foi um ato histórico para a cidade, mostrando a insatisfação de mulheres e homens diante do retrocesso das garantias constitucionais que estão sendo implementadas pelo (des)governo Temer e seus aliados. E a população de Lages mostrou sua inconformidade e força”.


SEM INTUITO POLÍTICO PARTIDÁRIO

“Alguns atos isolados, sem qualquer relação com as atividades organizadas pelas entidades, foram veiculadas como tendo sido planejadas com intuito político partidário, o que é veementemente negado pela Frente Brasil Popular. Foram atos independentes, de pessoas também indignadas com o atual governo. A Frente Brasil Popular – Regional Planalto Serrano vem agradecer trabalhadoras e trabalhadores que somaram forças aos movimentos e entidades que promoveram as atividades e dizer que A LUTA ESTÁ APENAS COMEÇANDO! Avaliamos como positiva a Greve Geral, mas ainda temos muita luta pela frente!”

A reunião de avaliação foi realizada ainda na noite do Dia do Trabalhador quando foram abordados os aspectos relacionados à movimentação em Lages e na Serra

Parte dos integrantes da Frente que articulou e apoiou o movimento de greve realizado na sexta-feira, 28


Informações repassadas por:

Daniel Ferreira – Coordenação Frente Brasil Popular SC

COMPARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O choro é livre…tenho 49 anos e desde os 18, quando comecei a entender a política, a conversinha é a mesma. Como a mamata do sindicatos vai acabar, ficam esperneando e tentando jogar a população, que nem sabe direito sobre o que está protestando, contra as reformas. Sou empregado e não vi nada que tire nossos direitos na reforma trabalhista, vi sim coisas boas, como o fim da contribuição sindical, férias em mais períodos, jornada flexível. Na minha aprendi uma coisa : se o PT e os sindicatos são contra é porque é bom !

  2. Meu caro Otavio, parabéns pelo seu amplo conhecimento da sociedade, poucos possuem esta visão tão acomodada e individualista, amanhá se cair uma bomba em Lages vocês ficam gratos, quer dizer massa de manobra baratíssima, recom,endo a você doar seu salário ao Temer já que você é tão resignado quanto a vida.

  3. rsrsrs Quero pedir desculpas aos autênticos vanguardeiros do atraso de lages… Eu cometi um grande engano ao classificar o Otávio como um dos integrantes desse grande e desenfreado grupo ( ou seria já uma Associação com Estatuto e tudo… a exemplo do Sul é o Meu Pais… rsrsr)… O Otávio nem de longe consegui reunir e/ou desenvolver todos os talentos necessários para receber essa honra… Com esses argumentos pobres, repetitivos e sem graça, ele demonstra que ainda não passou da fase de aprendiz de apocalíptico da decadência…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here