Pecuária: Inseminação de 50.000 matrizes até 2019

0
585

“A bovinocultura tem muita tradição em Santa Catarina. Temos um gado com qualidade genética diferenciada, resultado de uma cadeia produtiva que garante o sustento de muita gente. E o programa que está sendo apresentado contribui para avançar na produtividade e eficiência, promovendo o aperfeiçoamento e o desenvolvimento do setor. Quanto mais avançarmos, mais o setor ganhará força como alternativa para o desenvolvimento econômico catarinense, sobretudo aqui na região”.

Pregação do governador Colombo nesse evento, seminário Estadual sobre o Programa Desenvolvimento da Bovinocultura de Corte Catarinense promovido pela Faesc, Sebrae e Senar. Como mostra a imagem acima, cerca de 700 pessoas de várias cidades catarinenses vierem a Lages para participar do evento


PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA

TÉCNICA E GERENCIAL

Destaque do seminário foi a apresentação do programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) em pecuária de corte, que atende gratuitamente produtores. Os pecuaristas recebem uma visita técnica e gerencial por mês pelo período de dois anos. A iniciativa é coordenada pelas unidades catarinenses do Senar e do Sebrae. Ao longo do evento desta sexta, foram realizadas palestras com diferentes enfoques envolvendo a cadeia produtiva do setor.

Deputados Gabriel Ribeiro e Gelson Merísio com o prefeito Ceron e Guilherme Ziguelli, Superintendente do Sebrae no Estado, que veio a Lages participar do lançamento do programa. O Sebrae, portanto, além da atuação no fomento à atividade econômica urbana, coloca o pé no meio rural, nessa parceria importante.


IDEIA DO INCREMENTO NA PECUÁRIA

Para se ter ideia da abrangência desse programa lançado em Lages, a partir de parcerias também com Sindicatos Rurais (via Faesc), no prazo inicial de 2 anos, o desafio é a inseminação a partir de reprodutores de raça em 50.000 matrizes naqueles municípios participantes. Tais vacas matrizes, ao se reproduzirem, permitirão a diferenciação do rebanho bovino com a qualidade e excelência que se busca para o setor.

Airton Spies, adjunto da Agricultura, Márcio Pamplona que comanda a Associação Rural e Zezo Pedroso, presidente da Faesc, na prosa com o governador Colombo depois da abertura do evento em Lages

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here