BR-282: Mais de mil caçambas de terra retiradas

0
1366

São pelo menos 10 caçambas se revezando para transportar terra, pedra e lama que desce da encosta que cedeu no Km 253 da BR-282, bem pertinho do perímetro urbano do Cerrito. Esse trabalho vem sendo feito desde o dia 3. São mais de 1.000 caçambadas de material que deixou o local, quantidade insuficiente para permitir a abertura de uma passagem em caráter de urgência na rodovia.

Aqui até o final do mês de maio aqui passava uma rodovia…

Desde que a sequência de chuva causou o desmoronamento no Km 253 da BR-282 o local se transformou num amontoado de terra onde homens e máquinas tentam vencer o volume de material (terra, pedra, barro) que se atravessou no caminho.


NÃO HÁ PREVISÃO PRECISA

SOBRE LIBERAÇÃO DA PISTA

À medida que homens e máquinas retiram o material que caiu sobre a pista, inclusive trincando o asfalto, vai se verificando a complexidade do problema. Somente após a retirada da terra, barro e pedra do local será possível verificar a condição da pista (asfalto) que quebrou por causa da pressão e, a partir disso, executar um serviço de liberação emergencial.

Desde o sábado, dia 3, o material que caiu sobre a pista vem sendo retirado. Nesses 10 dias foram mais de 1.000 caçambadas de terra retiradas do local. O trabalho segue!


DESVIO PARA VEÍCULOS

DE PEQUENO PORTE

Prefeito Arno Marian tratou de colocar o maquinário para funcionar num acesso alternativo para quem conhece bem a região. Para caminhões a passagem é totalmente desaconselhável por causa de um morro bastante forte. Mas veículos leves e caminhonetes traçadas conseguem vencer a travessia entrando pela estrada da PCH João Borges e saindo na altura da localidade de Passo dos Fernandes.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here