Trágico: Três morrem eletrocutados em Palmeira

0
19660

Policiais de Palmeira, distante 30 km de Lages, atenderam uma ocorrência triste e lamentável. Ainda estão sendo apuradas as circunstâncias pelos policiais, mas consta que quatro homens de uma empresa terceirizada que executada instalação de rede no interior do município, acabaram sofrendo choque elétrico ao encostar a estrutura que utilizavam na rede de alta tensão. Três deles morreram no local em decorrência da descarga elétrica.

Essa é a imagem absolutamente triste do local onde ocorreu a tragédia no interior de Palmeira. Observe o poste que fora colocado pelos trabalhadores e os três corpos sem vida após o triste acidente.


SOBREVIVENTE ATENDIDO NO

HOSPITAL DE OTACÍLIO COSTA

De acordo com informações, a equipe formada por quatro pessoas, trabalhava na colocação de uma rede de telefonia. Eles teriam entrado em contato, ao colocar o poste, com uma rede de alta tensão. Policiais do Posto de Palmeira (polícia militar rodoviária) conduziu a quarta vítima ao Hospital Santa Clara de Otacílio Costa (distante 15 km do local). Consta como sobrevivente do acidente o jovem Lucas Muniz, 19 anos, que fora conduzido ao hospital para atendimento.


QUEM MORREU?

Ainda não há nomes das vítimas fatais. No local do trabalho eles estavam sem documentos. Entre as vítimas fatais, dois eram jovens e um senhor de idade também veio a óbito no local da ocorrência, ao lado do poste que estava sendo colocado.

O poste que estava sendo colocado na lateral da estrada geral no interior de Palmeira em direção à Madeireira Bortolin


LISTA DAS VÍTIMAS FATAIS

DEU NA RÁDIO CLUBE FM

Tão logo se registrou a ocorrência, a Rádio Clube FM está acompanhando e informando sobre o lamentável fato. Apresentador Adilson Oliveira, setorista policiais e locutor da Clube FM, informou inclusive a lista das vítimas fatais. Segundo as informações, todas as vítimas residiam em Otacílio Costa. São elas: Juarez Macedo, Osmar Pereira da Cruz e Diego Hamann.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here