Ceron e o Caraha: “É questão de capricho”

1
880

Na imagem abaixo uma ideia de onde começa o Carahá, o mesmo rio que transborda, alaga e represa lá na chegada ao Caveiras. É nessa descida do bairro Triângulo que o rio inicia a formação, a partir de uma nascente nas proximidades.

 E ao falar sobre a obra de desassoreamento que repercute por ser uma ação prática para combater as enchentes, o prefeito Ceron apontou que a providência é uma questão de capricho. “Não é uma obra extraordinária, mas essencial àquilo que nos propusemos de executar ações práticas para minimizar o efeito das chuvas”. Ele lembra que há 17 anos esse tipo de trabalho não era feito.

Secretários Arruda e Bortoluzzi acompanham Ceron no início do desassoreamento do Carahá. Perspectiva é retirar 200 toneladas de material (areia, lixo e terra) das barrancas do rio


COMO ESTÁ FICANDO?

Um registro fotográfico no período da tarde da segunda-feira depois que as máquinas já fizeram um eito do rio na parte inicial da obra. Previsão é de que os trabalhos se estendam durante todo o mês de agosto!


Imagens: Toninho Vieira e Paulo Marques

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here