Paço: Quando chamarão mais concursados?

0
418

Internauta que se identifica como Gustavo Motta escreve:

“Venho por meio deste buscar explicação ou posicionamento da nossa prefeitura, DRH, Secretarias ou do próprio Ceron, nosso excelente prefeito. Há um tempo no seu blog foi noticiado que no final de Julho/início de Agosto seria o prazo para que os contratados da PML fossem demitidos e os concursados assumissem. Sei das prioridades da cidade. Sei de tudo que houve, chuvas, obras, processos seletivos na área da saúde e tudo mais. Não estou aqui para criticar, porém faltam muitos ainda a serem convocados e desde a ultima convocação que faz mais de 3 meses só chamaram mais 2 contadores”.

O QUE A GENTE SABE

A mensagem do Gustavo vai além, mas o que temos de informação é a declaração do Secretário Arruda, a partir daquilo que definiu o prefeito Ceron. Os contratados (são 488 ainda que restam na folha), serão desligados até 31 de agosto. “E se alguém disser que existe outra solução além do desligamento, está sendo irresponsável e mentiroso. Essa medida cumpre uma sentença judicial”, disse-nos ontem o prefeito Ceron. E a partir disso, segundo o próprio prefeito, só existirão três tipos de servidores no Paço: Efetivos, comissionados e contratados por processo seletivo.

QUESTÃO DOS CONCURSADOS

Pela legislação, a prefeitura tem 2 anos (prorrogáveis por mais 2 anos) para chamar concursados. Mas esses têm prioridade sobre aqueles a serem contratados por processo seletivo. Assim, segundo Arruda, a intenção é retomar o chamamento dos 102 aprovados que restam de uma lista de 750 (648 há teriam sido chamados, sendo que alguns optaram por não preencher a vaga). Num primeiro momento a ideia era chamar até o final do ano. Mas o desligamento desses 488 contratados até dia 31 de agosto deverá antecipar a providência.

Arruda aponta que, além do chamamento dos concursados, outra providência será um novo processo seletivo geral para suprir a falta de pessoal, a partir do desligamento dos contratados restantes. No começo ano eram mais de 1.200 contratados, dos quais os últimos 488 saem agora, atendendo decisão judicial a partir de ação do MP.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here