Jasc: Pirambeiras para ciclismo montanhoso

0
219

Superintendente da FME, Nilson Cruz, responsável pela formação das equipes lageanas para os Jasc, esteve no Parque Pedras Brancas, local onde serão disputadas as provas de Downhill (modalidade de ciclismo de montanha).

Ele fez uma vistoria técnica da pista, já considerada pela Federação Catarinense de Ciclismo como a uma das mais belas do Brasil e que apresenta alto grau de dificuldade (obstáculos).

Com pouco mais de dois mil metros de extensão, esta pista terá o deck de largada no alto do Parque Pedras Brancas, e dali desce as encostas daquele conjunto de rochedos de arenito.

Cruz confere um dos locais de passagem pelas pirambeiras que tanto desafiam e agradam os competidores


TERRA, MORRO, BARRANCO

A pista foi implantada por um grupo de atletas lageanos praticantes de Downhill, do qual faz parte Wilson Oneda Filho, responsável pela formação da equipe lageana que disputará os Jasc. Ele conta que trabalharam desde novembro na implantação da pista, a qual está 100% pronta. “A pista é técnica, profissional, apresentando descida de pedra, de terra, com morro, barrancos, enfim uma série de obstáculos, os quais são exigidos para a prática do esporte. Nossa equipe está agora na fase de treinos para os Jasc”, revela Oneda.

FME DESTACA VOLUNTARISMO

Segundo Nilson Cruz o grupo de atletas trabalhou como voluntário, por paixão pelo esporte. “Se fôssemos pagar pelo projeto de implantação desta infraestrutura teríamos de desembolsar cerca de 20 mil reais e este custo foi economizado”. Ele conta que o pessoal voluntário trabalhou com picaretas, pá e ancinho, desbravando o local, especialmente cedido pela proprietária da Fazenda Pedras Brancas Sônia Gamborgi.


Imagens: Pakinha e Iran Moraes



Fique de olho na programação do Festival de Inverno da Serra. Esta é a última semana da ação de integração e eventos na Serra:

Acesse aqui!

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here