Eleição SC: Merísio mantém plano para 2018

0
320

Faltando um ano para começar a campanha eleitoral que escolherá o novo governador de Santa Catarina, deputados estaduais, federais e dois Senadores, o PSD voltou a reafirmar a condição de protagonismo para o pleito de 2018.

Num encontro com público estimado de 2.500 pessoas neste sábado, em Chapecó, lideranças do Oeste e de outras regiões catarinenses discursaram reforçando o projeto do PSD de ter Merísio candidato.

‘DIREITO DO OESTE’

Prefeito Luciano Buligon, que nesta semana recebeu o título e Cidadão Catarinense na Alesc (ele é do PSB), disse que o Oeste Catarinense adquiriu o direito de ter um governador pelo que representa à economia do Estado. Deputado João Rodrigues pregou na mesma linha. “Nós não temos dois candidatos. Nós temos só um. E o nosso candidato ao governo é o Merísio. Estamos juntos nessa caminhada para fazermos o certo, o correto”.

Merísio liderou o encontro com lideranças como Zé Cláudio Caramori presentes ao evento em Chapecó

APOIO DA BANCADA

Deputado Milton Hobus trocou as agendas de Rio do Sul deste sábado para bolear a perna até Chapecó. Havia quem o apontasse como defensor de um recuo do PSD no projeto de lançar Merísio. Mas o deputado sinalizou de forma diferente:

“Sou um dos mais fervorosos defensores de uma candidatura própria. O PSD não vai se acovardar em Santa Catarina depois de um governo exitoso como o do governador Raimundo Colombo. E temos um candidato. O candidato é Merísio, que tem meu incondicional apoio e de toda nossa bancada”.

Estratégia do PSD é reforçar a condição de candidatura própria, enquanto as definições mesmo ocorrem apenas entre abril e 05 de agosto de 2018, prazo final da homologação de candidaturas

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here