BR-282: Vereador reforça pedido de 3.ª faixa

1
196

Apresentada moção legislativa 205/2017 para construção de 3.ª faixa de rolamento na BR-282 em Índios. Proposto pelo vereador João Chagas (PSC), o documento sugere que a ampliação da rodovia seja de aproximadamente dois quilômetros de extensão, tendo início na SC-114 (trevo de Índios) em direção à BR-282 em Lages. Segundo Chagas, o objetivo é trazer maior mobilidade ao trânsito local, evitando filas e, principalmente, as ultrapassagens forçadas, com isso, também a redução de acidentes de trânsito.


O QUE A GENTE SABE

SOBRE ESSE ASSUNTO

Já existe um pré-projeto apresentado em Lages sobre a intervenção em 20 pontos da BR-282 até Florianópolis e ainda a construção de 20 quilômetros de terceiras faixas (alguns falam em terceira pista, o que é incorreto). Recentemente a bancada federal previu emenda para garantir essas obras. Seria o primeiro passo antes de concessionar o trecho, visto que se houver implantação de pedágio do jeito que está a rodovia, esse seria demasiado caro. Mas com obras de melhorias, baratearia a tarifa.

No projeto apresentado há previsão de terceiras faixas em dois pontos entre Lages e o distrito de Índios. Um deles no morro que sobe a partir do trevo em direção à Lages. E o outro ponto seria no sentido inverso, a partir do final da descida da Indusflora até o topo do morro no Km 210.

Talvez o vereador Chagas não tenha participado e, por isso, desconheça o projeto de terceiras faixas na BR-282 em Índios, mas a iniciativa foi apresentada nesse evento com a presença, inclusive da presidente da Câmara, Aida Hoffer (PSD). Embora uma moção legislativa, logicamente, é sempre bem vinda para reforçar o pleito

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A implantação da terceira faixa está sendo pensada de forma errada.

    Explico:

    Primeiro, deveriam esperar mais alguns anos, até as marginais da rodovia estarem 100% ocupadas, deixando a obra mais cara (com indenizações).

    Esse é o jeito Brasileiro, devemos respeita-lo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here