Prefeitura de Lages tem 5.025 servidores

0
465

Ao tratar de assuntos pontuais e apresentador o Executivo de Comunicação (Pablo Gomes), o prefeito Antônio Ceron iniciou a prosa fazendo esclarecimentos sobre dados compartilhados pelo Observatório Social de Lages em relação aos gastos com folha de pessoal. Segundo Ceron, houve redução de gastos com a folha a partir da diminuição do número de comissionados.

O PREFEITO APONTA…

“E mesmo fazendo isso temos gastos nos mesmos parâmetros e até maior que anos anteriores. A explicação está no crescimento vegetativo da folha e na concessão de reposição e vantagens”. Ceron aponta que se não tivesse ocorrido o corte de cargos e todas as vagas fossem preenchidas, haveria um gasto a mais bem superior a R$ 500 mil mensais. “Cumprimos o nosso foco de redução e isso permitiu equilíbrio”.

Durante a conversa com a imprensa, o prefeito detalhou números onde aponta que atualmente a prefeitura possui 5.025 servidores, sempre ocorrendo uma variação mínima de mês para mês. Mas a ideia é que o quantitativo de colaboradores fique na casa dos 5.000 servidores entre comissionados, efetivos e integrantes de processos seletivos.


PRECATÓRIOS COM DEPÓSITO

SÓ DA COMARCA DE LAGES

Ceron cumpre agenda neste início de semana na Capital. Ele acompanha o trâmite que irá liberar recursos para pagar precatórios. Numa releitura do assunto, as prefeituras terão acesso a 9% daquilo que as Comarcas possuem em depósito judicial. A Comarca de Lages possui R$ 188 milhões em precatórios. Com isso, cerca de R$ 17 milhões se destinarão ao pagamento de precatórios. Não está bem certo se esses 9% serão apenas para Lages ou divididos proporcionalmente entre municípios que integram a Comarca.

COM ISSO

Lages tem uma dívida de R$ 25 milhões em precatórios, dos quais R$ 21 milhões vencidos até março de 2015. Ideia é atender a maior parte dessa dívida. “Essa manobra não garante a entrada de nenhum centavo aos cofres municipais. Mas paga credores e faz o dinheiro girar no município. Considerando ainda que pagamos R$ 490.000,00 mensais com precatórios e será possível reduzir esse repasse todo mês com a devolução do dinheiro oriundo dos depósitos judiciais”, esclarece Ceron.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here