Lages volta a empregar mais que demitir

1
225

Dados do CAGED sobre a empregabilidade em Lages aponta uma realidade melhor no mês de setembro. Depois de índices negativos em maio, junho, julho e agosto, no mês de setembro foram registradas 131 admissões a mais que demissões. Os dados de setembro:

Admissões……1.330

Demissões……1.199

Este foi o comportamento da empregabilidade em Lages no mês de setembro, com o amarelinho das admissões maior que o vermelho dos desligamentos. Foram geradas 131 vagas a mais que as demissões segundo o Ministério do Trabalho.

 

SC GERA MAIS DE 8 MIL

EMPREGOS EM SETEMBRO

Santa Catarina voltou a ser destaque nacional na geração de empregos. Em setembro, o Estado gerou um saldo de 8.011 novas vagas de trabalho com carteira assinada, segundo balanço do CAGED, do Ministério do Trabalho. No Brasil, o saldo foi de 34.392 postos de trabalho.

O PIOR JÁ PASSOU

Governador Raimundo Colombo comemorou o bom desempenho.

“A geração de emprego é um fator essencial para a retomada da economia e ver Santa Catarina se destacando mais uma vez confirma que estamos no caminho certo e que o pior já passou”.

SETORES EM DESTAQUE

Entre os desempenhos por setores, destaque para a indústria (saldo de 2.696 em setembro), para o segmento de serviços (2.501) e para o comércio (2.072).

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Não confiaria uma previsão tão importante para Colombo fazer, a questão é que a economia é dinâmica nunca há uma parada geral na economia e sempre o consumo e a produção haverão de sempre estarem em constante movimento, mas podemos ao bel prazer realizar um discurso de crise ou não, dependendo da conveniência política ou do momento. O senso comum do brasileiro é singular e pelas redes sociais, todos são catedráticos em Direito sem nunca terem lido nada e catedráticos em economia mesmo sem saberem nada do referido assunto, o mais sofrível é conseguirmos explicar algo racional e plausível para essa turma, que acham que nosso dinheiro vai para o nordeste, e ainda continuam falando em Petrobrás e outras asneiras para justificar as sandices do golpe. Nosso crescimento lageano ainda é muito pequeno e quase não é notado e faço sempre apostas com o jornalista e decano da imprensa escrita lageana, Névio Fernandes, sobre prazos para falirmos em Lages e continuar colocando a culpa no PT. Porque sempre sofremos e adoramos a direita, até que a esquerda volte e coloque tudo no lugar de novo. Colombo poderia trazer a ração feita pelas empresas do Dória com refugos de alimentos para Lages e alimentar nossos pobres.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here