Diretoria do Inter detalha situação do Clube

0
159

Diretoria do Internacional de Lages promoveu encontro com colegas de imprensa e torcedores. Intenção foi ouvir, assim como relatar algumas situações que envolvem o Clube. A assessoria do Inter compartilhou alguns pontos do encontro que merecem compartilhamento:

SORTEIO DO CARRO

Inter fez o sorteio público e registrado em vídeos de um carro no dia 19. Não houve ganhador no sorteio, mas isso não significa que o Clube vai ficar com o veículo. O Inter quer entregar o automóvel para algum torcedor. Assim, surgiu a ideia de realizar um jantar de apresentação do elenco, no qual o carro será sorteado. O ganhador sairá do evento com o automóvel. O jantar está pré-agendado para o dia 11/01/18.

De forma transparente, para você que comprou a rifa saber, os números sorteados na ação foram 51093 (quarto prêmio), 83719 (terceiro prêmio), 40764 (segundo prêmio) e 36611 (primeiro prêmio).

DÉBITOS TRABALHISTAS

Quando iniciou-se o atual processo de reorganização do Inter de Lages, em 2013, os débitos trabalhistas somavam R$ 1,7 milhão. Eram dívidas que, em alguns casos, existiam havia mais de duas décadas. O clube fechou acordos com a Justiça do Trabalho para limpar gradativamente esse passivo – e eles têm sido cumpridos. O acordo atual prevê sempre uma parcela anual (parte da de 2017, por exemplo, foi paga com a rifa do automóvel). O Inter já pagou mais de R$ 450 mil a antigos atletas e funcionários. O débito, que era de R$ 1,7 milhão quatro anos atrás, é hoje de cerca de R$ 900 mil entre ações antigas e a deste novo período. Conseguiu-se abater R$ 800 mil porque, com o pagamento de R$ 450 mil, foram negociados acordos de desconto no valor nominal do débito.

DÉBITOS COM O CLUBE

Entre os grandes débitos que pessoas, empresas e entidades têm com o Inter estão os de dois patrocinadores (R$ 240 mil e R$ 150 mil), placas e muros (R$ 170 mil) e sócios (R$ 220 mil). A soma desses débitos principais é de R$ 780 mil. É praticamente o mesmo valor dos débitos recentes do clube. A diferença, de R$ 20 mil, é composta por débitos de menor monta.

O QUE O INTER ESTÁ FAZENDO

PARA SOLUCIONAR A QUESTÃO

O clube está negociando novos patrocínios e tratando da renovação dos atuais, além de estar em trabalho com os demais clubes para a renovação do contrato com a TV para a transmissão do Campeonato 2018. Em paralelo, o Inter está negociando com quatro diferentes grupos, sendo três deles de investidores que demonstraram interesse em injetar recursos no Clube. A contrapartida desses acordos é, em linhas gerais, a obtenção de fatias dos direitos econômicos de atletas que o Clube revelar no futuro.

RECEITAS

As principais fontes de receita hoje do Inter são cota de TV (R$ 400 mil), patrocínios (R$ 700 mil) e bilheteria (R$ 120 mil). O aumento do número de sócios inadimplentes fez com que o plano de sócios represente menos de R$ 50 mil anuais. Como o Clube tem que compensar com receitas atuais a inadimplência recente de alguns de seus parceiros, o déficit é compensado com empréstimos feitos pela direção (em alguns casos, em nome de suas pessoas físicas, e não do Clube).

QUEM TRABALHA HOJE PELO INTER

O Colorado Lageano tem um grupo de trabalho atuante e com voz ativa. O jurídico tem quatro profissionais: Maurício Batalha, Liliane Rossi, João Lima e Mateus Paim. No departamento médico estão Clóvis Arruda Vieira (Clinitrauma), Antonio César Gamba (CliniLages) e Paulo Roberto Waltrick (Incor Lages). Rafael Araldi é o diretor de comunicação, e nesse departamento faz dupla com o vice-presidente Patrick Cruz. Jailton Paes encabeça o grupo de trabalho responsável pela área de patrimônio. Maurício Batalha, Álvaro Mondadori e Célio Bueno atuam ao lado do presidente Cristopher Nunes na captação de patrocínios e negociação de parcerias. O grupo está aberto. Todos os interessados em reforçar o Inter com seu trabalho e conhecimentos serão um reforço gigantesco para o clube.

TIME: O QUE ESPERAR EM 2018

Com a negociação de cota de TV e patrocínios ainda em andamento, o Clube ainda não tem visão clara das receitas que terá na próxima temporada. Há novidades esperadas ainda para esta semana. Ao saber quais suas possibilidades de receita para o próximo ano, o Inter definirá o perfil do time que será montado. O clube já mapeou uma lista com mais de 60 atletas. O Inter quer dar um salto qualitativo em sua trajetória, subindo de divisão no Brasileiro e brigando por coisas maiores no Catarinense. Mas, para isso, depende também do apoio de todas as partes envolvidas: torcedores, patrocinadores e parceiros.

O diálogo entre a diretoria, profissionais de imprensa e torcedores evidencia o interesse em agregar, aproximando o Clube da comunidade. Quem torce pelo time,  por certo, vê dessa forma!

Informações: Assessoria do Inter/Lages

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here