Lages: Berneck operando até julho de 2020

1
364

Teatro lotado para acompanhar o conjunto de atos com a participação do governador Colombo em Lages. O mais importante deles é a confirmação do investimento da Berneck S.A. Painéis e Serrados. A Berneck é paranaense e especializada na fabricação de madeira MDP, MDF e HDF. O Protocolo de Intenções, documento que menciona as responsabilidades de cada parte envolvida (Município, Estado e empresa), foi assinado.

E AGORA?

A empresa terá até 30 meses para efetivar sua instalação a partir do início da execução do projeto. O proprietário da empresa, Gilson Berneck, bem como o diretor administrativo financeiro, Reni Júnior, estiveram presentes, evidenciando o propósito de levar adiante a iniciativa.

Se tudo correr bem, até julho de 2020 a Berneck estará funcionando em Lages

 

CERON E AS COSTURAS

PARA A VINDA DA BERNECK

O investimento será de R$ 800 milhões na instalação do empreendimento. Deverão ser abertas 550 vagas diretas de emprego na primeira fase de implantação. “Este foi um projeto iniciado há dois anos. Na época, devido ao cenário econômico nacional fragilizado pela crise, o início foi protelado. Em março de 2017 participamos de uma reunião com a direção em Curitiba, quando tratamos da retomada do projeto e hoje marcamos um avanço nas conversações”, pontua o prefeito Antonio Ceron. Ele ainda cita:

“Por se tratar de um segmento que valoriza a riqueza da região, o reflorestamento de pinus. Uma cadeia de serviços será beneficiada, como plantio, desbaste e transporte dos produtos. A contratação de mão de obra e a valorização do capital humano são mais dimensionados do que somente o movimento econômico e o retorno e ICMS. A família lageana recebe a Berneck de braços abertos.”

PALAVRAS DE GILSON BERNECK

A empresa Berneck já conta com uma fábrica em Curitibanos, erguida em 2011. “Onde são quase 900 empregos e haverá expansão da estrutura. Viemos para cá para trabalhar e contamos com todos para obtermos sucesso”, enfatiza Gilson Berneck. A nova fábrica será voltada para a fabricação de painéis em MDP e HDF, de serrados de pinus, além da instalação uma unidade de co-geração de energia elétrica.

Gilson Berneck com o governador Colombo e a consolidação de uma proposta que tem matéria prima em abundância na Serra Catarinense, o pinus!

Imagens: James Tavares/Secom/SC

Informações: Secom/Lages

 

QUER MORAR BEM EM LAGES?

TERRA ENGENHARIA APRESENTA…

Residencial Mariah na Avenida Papa João XXIII bem pertinho do Centro de Lages.

Maiores informações acesse o portal da Terra Engenharia e conheça outras opções de imóveis com a qualidade que você está procurando!

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Vamos ser honestos e vocês sabem muito bem o que isso significa, na parte econômica, geração de empregos e movimento econômico, na parte política estas empresas não se instalam mental lugar simplesmente porque amam este povo, mas porque por trás há todo um meandro político, incentivos e isenção de impostos são atrativos, na verdade o Estado banca a produção destas empresas e estes incentivos criam apoios políticos, esta empresa possui todo um tempo de vida útil em Lages, ou seja quando acabarem estes incentivos elas vão embora e prefeitos, governadores e políticos sabem disso, a questão é que as expectativas se criam surgem um monte de pais desta criança e o povo no afã da alegria vota intensamente durante umas duas eleições, um ótimo marketing. Para Lages uma salvação temporária e para Temer um alívio para ter tempo de fazer mais perversidades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here