OAB emite nota sobre reforma na sede

0
311

Diretoria e Conselho da Subseção da OAB de Lages emite nota a respeito da cruzada para tentar revitalizar a sede da entidade nas margens da BR-282. “Um dos entraves é a condição em que se apresenta a sede física (da sede). Ela tem localização privilegiada, possui espaço amplo, porém, totalmente defasado e desgastado pelo tempo”, relata a nota que segue:

“Desde que a atual diretoria estava em campanha, uma das bandeiras era pleitear junto à Seccional Catarinense recursos financeiros para reforma da sede social. Foram diversas viagens a Florianópolis, inúmeras reuniões e requerimentos dirigidos àquela diretoria.
As tratativas avançaram, a Presidência da Seccional Catarinense autorizou, inclusive, a contratação de serviços de engenharia para a elaboração de projeto de reforma e ampliação da sede, valores estes na casa de R$ 18.000,00”.

Sede da OAB nas margens da BR-282 e que está à espera de reforma. Mas sem a ajuda da Seccional Estadual, que tem direito de arrecadar quase R$ 100 mil ao ano dos advogados da subseção somente de anuidade, não há como executar as obras

O QUE SE VISUALIZOU

PARA A NOVA SEDE

“Comitiva da diretoria e conselho da OAB Lages se dirigiu até Florianópolis, para fazer a entrega formal do projeto e do orçamento para reforma e ampliação da sede social, a qual previa, dentre outras coisas, um salão de eventos com capacidade condizente com os mais de 1.000 advogados que fazem parte dos quadros da OAB Lages; Salão para eventos, para as mais diversas opções, possibilitando colegas utilizarem o espaço para eventos particulares, nova residência para o funcionário zelador da sede, melhorias em banheiros, cozinha, etc”.

SECCIONAL DE SC

NÃO DÁ RETORNO

“Desde que foi feita a visita para entrega do projeto e orçamento para execução da reforma, a Seccional Catarinense ficou devendo um retorno à OAB Lages, sem justificar o porquê não autorizava a reforma e tampouco dizendo quando poderia ser realizada, se é que um dia será. Essa nota é a forma de justificar a batalha incansável da diretoria e conselho da OAB Lages em melhorar as condições da sede social de todos os advogados da nossa região, que, infelizmente, por forças alheias à nossa vontade, não se concretizou”.

POR FIM

“Não obstante, com esforço próprio, a subseção de Lages vem buscando aprimorar os elementos e instrumentos ofertados a advogados, para a melhor execução de seu trabalho e desfrute de seu lazer. Nesse sentido, já estão sendo realizadas melhorias nos equipamentos das salas de apoio nos fóruns, bem como nas condições da sede social, dentro daquilo que os parcos recursos da subseção possibilitam”.

Na rede social já apareceu internauta ‘com dó’ do fato dos advogados não terem dinheiro para reformar uma sede. Mas não é isso que se discute e nem foi essa a razão da nota da OAB. A nota procurou esclarecer o esforço e a questão de valores para reformar a sede tudo está ligado à Seccional do Estado, visto que a subseção contribuiu para a arrecadação. Contribuição da qual esperava um retorno em forma de apoio para a obra.

EM TEMPO

Essa falta de atenção e apoio à classe em Lages pela Seccional Catarinense da OAB não faltou em cidades como Joinville, Criciúma e Itajaí que, com a ajuda Estadual, construíram sedes recentemente. O que se busca é um tratamento igualitário!

Compartilhar a matéria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here