Lages: Dados de 2012 embasam audiência

0
238

Há seis anos foi confeccionado, a partir de dados coletados, o Mapa da Violência contra a mulher no Brasil. Lá no documento de 2012 a cidade de Lages apareceu na lamentável posição de líder do ranking em ocorrências de violência em Santa Catarina. Estava entre as 20 mais violentas do Brasil.

E…

Passaram-se seis anos, não houve atualização do ‘mapa’ e a cidade segue carregando esse fardo. Porque é um assunto pertinente e passível de debate, a deputada Carmen Zanotto conseguiu aprovar a realização de uma audiência da Câmara dos Deputados em Lages. A pauta é esse assunto lamentável: a violência contra a mulher.

REPRESENTANTE DA ONU

“Para que haja  uma mudança neste quadro de violência, é  necessário que sejam colocadas em prática ações de prevenção aos crimes, repressão, acompanhamento e ressocialização de agressores”, alerta a deputada Carmen Zanotto. Para debater a questão, a parlamentar solicitou que sejam convidadas a representante da ONU Mulheres, Wânia Pasinato e a coordenadora do Observatório da Mulher contra a Violência do Senado Federal, Roberta Viegas.

Carmen Zanotto quer chamar atenção para um problema que Lages enfrenta, cujos dados não estão atualizado, baseando-se em levantamento de 2012, mas que, de qualquer forma preocupa

Compartilhar a matéria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here