Facvest
Euro Topo
Início Site Página 4

CAV: Suspensa realização de exames de DNA

0

No ano de 2007 o Governo do Estado, na época comandado pelo então governador Luiz Henrique da Silveira, estabeleceu um convênio, via Secretaria de Estado da Saúde. No documento o laboratório do CAV em Lages realizava exames de DNA para atender pessoas hipossuficientes (sem condições de pagar). Esse convênio venceu em abril do ano passado e foi prorrogado até janeiro deste ano de 2018.

ENTRETANTO

O referido convênio não foi revalidado e os serviços estão suspensos. O laboratório do CAV está apenas concluindo aqueles que estão em andamento e não há previsão de retomar a atividade. “Para os profissionais do Instituto Paternidade Responsável quem perde é a população que não tem condições de pagar pela realização do exame particular”, aponta um comunicado do referido Instituto informando e esclarecendo sobre a situação.

DE ACORDO COM OS DADOS…

Nestes 10 anos de convênio mais de 17 mil kits foram enviados para as Comarcas. Destes, já atendeu 14.191 casos. O Instituto Paternidade Responsável é responsável pela logística de recebimento dos pedidos das Comarcas e encaminhamento ao laboratório do CAV.

Lages: Uma imagem inédita de ‘dias atrás’

0

Colega Jatir Fernandes do Notícia no Ato compartilhou conosco a imagem abaixo. Para nós um registro inédito e bastante saudosista. Não dá para ter ideia da data aproximada do registro. A Igreja Nossa Senhora Aparecida do Navio acaba sendo a referência…

Observa-se que a atual Avenida Dom Pedro II era pavimentada com aquele paralelepípedo irregular de pedra ferro e um destacamento da unidade do Exército de Lages passava na frente da igreja, deslocando-se em direção ao sul da cidade.

UMA MAIS ANTIGUINHA…

Essa imagem é do acervo do Museu Thiago de Castro e mostra Lages de 115 anos atrás quando iniciava o século XX

DOS TEMPOS QUASE DE AGORA…

E se A Favorita voltasse a patrocinar o glorioso, será que não viveríamos tempos melhores nos gramados? Do registro acima reconheci o Bim (em pé o terceiro da esquerda para a direta).

ATUALIZANDO

Moacir Vieira Proença nos ajuda identificando o time que está acima que, segundo ele, a maioria integrou o elenco campeão da Taça Dite Freitas em 1985: Em pé, da esquerda para direita: Cedenir, Chicão, Bim, Dodô (?), Luizinho e Alves; Agachados: Otávio, João Carlos, Calada, Artur Neto (foi técnico do Joinville) e Gelson. OBS: Luizinho, Otávio e Gelson são pratas da casa, formados na base e são lageanos.

A propósito, este é o Tio Vida antes do velho pavilhão e bem antes da nova arquibancada, mas com o ginásio Ivo Silveira já imponente ali na rua (de chão batido) Humberto de Campos!

Lageanos na equipe da segurança de Pinho

0

Com a chegada de Pinho Moreira ao governo, há também novidades na equipe. Na quarta-feira, 21, tem anúncio oficial dos novos integrantes do colegiado estadual. Mas há nomes que já foram confirmados. Uma das áreas com profundas mudanças é da segurança pública. O delegado Luiz Ângelo Moreira, com 27 anos de atuação na Polícia Civil, será o delegado geral adjunto.

MUDANÇA NO BOMBEIRO

Também tem mudança no comando geral do Corpo de Bombeiros. Coronel Onir Mocelin deixará a função e será substituído pelo Coronel Borges. João Valério Borges é gaúcho de nascimento, mas com atuação nos Bombeiros aqui de Lages.

Coronel Borges que passará a comandar o Corpo de Bombeiros de SC. No registro acima ele era empossado como subcomandante geral do Estado no ano passado

Lages: Uma nova emergência resolveria?

0

As dificuldades dos médicos receberem pelos serviços prestados na área de urgência e emergência do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres não são de hoje. E frequentemente se levanta a hipótese da cidade ter uma emergência no Hospital Tereza Ramos. Pode até ter, mas o custo para o Estado será infinitamente maior.

SENÃO, VEJAMOS!

Atualmente o Governo do Estado repassa – embora esteja atrasado – através de um convênio para ajudar no custeio do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, o somatório de R$ 216.000,00 mensais. Esse é o único custo do Estado para ajudar manter os serviços em funcionamento. Caso opte por colocar uma emergência de porta aberta no Tereza Ramos, o Estado deverá gastar três vezes esse valor com médicos (mais de R$ 600 mil) e entre salários de outras funções, equipamentos e materiais, terá um custo mensal de R$ 2 milhões.

LOGO

Não se entende o recolhimento do Governo do Estado em relação aos míseros R$ 216 mil mensais para ajudar no custeio, enquanto, se for tocar uma ala de urgência e emergência no hospital estadual (Tereza Ramos), era gastar 10 vezes isso.

Uma emergência na futura ala do hospital Tereza Ramos terá custo mensal de R$ 2 milhões para o Estado, enquanto atualmente, gastaria meros R$ 216 mil por mês para manter o convênio com o Hospital Nossa Senhora dos Prazeres

HNSP: Começa suspensão dos serviços

0

“Nenhuma pessoa cujo estado de saúde exija atendimento urgente e cuidados emergenciais deixará de ser atendida”.

Essa garantia ouvimos de um dos médicos que atua no serviço de urgência e emergência do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres. Porém, aqueles atendimentos considerados não urgentes estão suspensos desde às 14 horas desta segunda-feira. “A suspensão seria desde a manhã de segunda-feira, mas aguardamos um retorno do secretário Acélio Casagrande que acabou não acontecendo”.

DÉBITO DE 32% DOS SALÁRIOS

Pense que você tem uma atividade remunerada e todo mês recebe apenas 68% daquilo que tem direito. É exatamente essa a situação que envolve os 90 médicos que atuam no sobreaviso e no regime de plantão da Emergência no Hospital Nossa Senhora dos Prazeres.

QUEM DEVE PARA OS MÉDICOS?

É preciso esclarecer que a relação remuneratória dos médicos é com o Hospital e não com o Governo do Estado. Entretanto, foi firmado convênio do Estado com o hospital onde eram repassados R$ 216.000,00 mensais para ajudar no custeio. Esse valor de custeio o hospital destinava para pagar médicos. E como o Estado deixou de repassar tal valor (por não renovar o convênio), o hospital não está pagando os médicos.

O atendimento é parcial na emergência do principal hospital de Lages. Pacientes de 12 municípios são atendidos aqui. Mas apenas casos de extrema urgência têm o atendimento mantido.

Agentes concursados esperam chamada

1

Um dos oito aprovados no concurso para agente de trânsito em Lages, faz um desabafo por causa da demora no chamamento para integrar a estrutura. Eis o relato:

“Sou um dos aprovados no concurso publico da prefeitura (2016), para o cargo de agente de transito. Entro em contato na esperança de que o prefeito Antonio Ceron, tenha o mínimo de empatia comigo e com meus amigos aprovados, aguardamos a convocação desde 2016. Recentemente o próprio secretário Jacinto Bet, em entrevista na Clube FM confirmou que nós seriamos chamados agora em fevereiro. Porém com carnaval feriados e tudo mais aguardamos ainda mais”.

TEM MAIS ESTRUTURA

E POUCOS AGENTES

“Somos 8 aprovados apenas, há a necessidade de efetivo segundo o próprio secretário. Foram adquiridas novas viaturas, motos, chegarão radares móveis, sinal de que precisa de mais agentes. Estou desempregado, não consigo emprego por ter meu nome na lista de aprovados no concurso, não estou querendo comover ninguém. Só estou buscando o que conseguimos por direito”.

ARGUMENTO DO PAÇO SOBRE NÃO

ESTAR FUNCIONANDO A ÁREA AZUL

“Não precisamos aguardar por área azul, porque todos sabemos o quão demorado é para que tenha uma licitação e que ela seja colocada em pratica, e a função dos agentes de trânsito não se resume somente nisso… quanto mais agentes nas ruas, inclusive nos bairros, mais segurança e fiscalização teremos, mais inibição para os maus motoristas, então que o senhor prefeito olhe por nós”.

QUE INFORMAÇÃO QUE TEMOS?

Conversamos semana passada com o secretário Arruda. Ele disse que foram chamados 792 pessoas, priorizando-se Educação e Saúde. Pessoas de concurso e processo seletivo. Disse que na sequência seriam chamados operadores de máquinas pesadas, mas utilizou o argumento da área azul não estar operando para não chamar os oito agentes agora. Arruda disse que não tem previsão de chamamento dos agentes imediatamente.

De fato, a área de trânsito ganhou mais estrutura (veículos e motos) e o argumento da carência de pessoal é pertinente. Mas não haveria previsão para chamamento dos oito aprovados. Salvo se algum fato novo se registre!

Inter: Estamos mal e poderemos piorar!

0

Só uma situação é pior que o Internacional de Lages fechar o turno na lanterna do Campeonato Catarinense 2018, após o vexame diante do Brusque, onde perdeu por 1 a 0. Pior que isso é a sequência de jogos no returno. Começa no domingo enfrentando o embalado Avaí na Ressacada, depois recebe a Chapecoense no Tio Vida. Na sequência recebe o Joinville em Lages antes de ir a Tubarão enfrentar o Hercílio Luz. Significa dizer que o time terá que mudar muito para evitar o desastre de cair para a segundona.

O JOGO CONTRA O BRUSQUE

Uma vitória simples contra o Brusque colocava o Internacional lá na sexta colocação ao lado do Concórdia. Entretanto, o time treinado por Leandro Nieheus ‘conseguiu a façanha’ de perder em pleno Tio Vida para o Brusque. Com isso, o colorado amarga a lanterna com apenas 7 pontos. O retrospecto dos últimos cinco jogos evidencia o quanto o time está mal: Cinco jogos, um empate e quatro derrotas. Significa que em 15 pontos disputados, conquistou apenas um.

Naturalmente que essa campanha desastrosa do primeiro turno não significa que o time está rumando à segundona. Há ainda 27 pontos em disputa e uma sequência de duas vitórias melhoraria a situação do colorado. O problema está que o time não acerta, não marca e causa esse desânimo no torcedor lageano!

O Inter levou o revés aos 26  minutos do segundo tempo quando o Brusque anotou o único gol da partida. Jogando em casa, o resultado decepcionou os poucos torcedores que ainda prestigiam o time!

Imagens: Nilton Wolff – O Goleador

 

QUER MORAR BEM EM LAGES?

TERRA ENGENHARIA APRESENTA…

Residencial Mariah na Avenida Papa João XXIII bem pertinho do Centro de Lages.

Maiores informações acesse o portal da Terra Engenharia e conheça outras opções de imóveis com a qualidade que você está procurando!

Reforma da Previdência: Lages protesta

2

Se tudo tivesse dado conforme pensou Temer e sua equipe, nesta segunda-feira os deputados iriam para plenário votar a reforma da previdência. O anúncio ocorreu em meados de dezembro, fixando-se a data: 19 de fevereiro. Entretanto, muita coisa aconteceu nesse meio tempo e a incerteza ronda a aprovação das mudanças que, numa análise geral, penalizam a população. Mas porque o assunto não morreu, hoje é dia de protesto em Lages.

Num gesto simbólico, os participantes irão tomar o ‘posto’ da previdência social em Lages para evidenciar que o INSS é do povo

Única reforma da previdência que tem concordância em Lages é essa que Ceron está fazendo ao asfaltar a Rua Jorge Lacerda. Os atos desta segunda-feira à tarde acontecem na frente da agência do INSS

%d blogueiros gostam disto: