Geral

‘Lages do Futuro’ e a empregabilidade

PERFIL DO INSTAGRAM CHAMA-NOS ATENÇÃO SOBRE A INTERPRETAÇÃO DOS EMPREGOS GERADOS EM LAGES NESTE ANO

Conforme antecipamos, a partir dos dados colhidos do CAGED (braço do Ministério da Economia) que faz a tabulação da movimentação de empregos mensalmente, considerando somente carteiras assinadas (admissões e demissões), Lages fechou setembro totalizando 1.932 vagas geradas nos nove meses. Na teoria do copo meio cheio, essas quase 2 mil vagas, considerando a retomada econômica é uma imensidão. Na teoria do copo meio vazio, cidades bem menores que Lages têm desempenho bem melhor, observando que no ranking a maior cidade da Serra é apenas a 18.ª na geração de empregos.

UMA INTERPRETAÇÃO SOBRE OS DADOS

Produtor de conteúdo do perfil Lages do Amanhã no Instagram (que a gente sugere que você siga porque tem conteúdo pertinente), aponta ter conversado com gestores públicos e empresários. Desses recebeu informações que merecem divulgação. “Estão surgindo muitas oportunidades de empregos na cidade, mas por outro lado, surge um problema que parece ser característico da nova geração economicamente ativa do País”, cita ao observar unanimidade em quatro itens em relação à mão de obra local:

01 – Falta de qualificação e capacitação;

02 – Pouco interesse por aperfeiçoamento;

03 – Elevado índice de reclamatórias trabalhistas;

04 – Rejeição a empregos que exigem trabalho aos finais de semana ou horários estendidos.

SEGUE A ANÁLISE

“Hoje muitos empregos ofertados em Lages estão sendo preenchidos por pessoas de outras partes do Estado e do País. E isso acaba sendo negativo. Ao que tudo indica, vivemos a época daqueles que querem tudo com o menor esforço possível. Alguns escolhem a desocupação a se submeter a determinados horários, dias e tarefas”.

Há um sentido na análise e a gente pega a nova planta industrial da Berneck em instalação na cidade de Lages. Não havendo mão de obra qualificada local, a empresa irá buscar colaboradores em qualquer quadrante. E essa questão de qualificar profissionais é algo que já deveria ter sido intensificado e incentivado.

EM TEMPO

Dos quatro fatores citado acima, a gente só pondera sobre a ‘grande demanda de ações trabalhistas’. Há uma crença de que, com a reforma trabalhista de dias atrás, houve um freio na aventura de buscar os ‘direitos na justiça’. A razão é a necessidade desse ‘direito’ ser inconteste. Diferente do que ocorria no passado. Acredita-se inclusive que Lages está até mesmo longe do ranking das cidades com maior quantidade de ações trabalhistas. E se o empregador paga certinho, não há razão para avalanche de ações, naturalmente!

Continue Reading
Geral

Sugerida complementação à tabela SUS

VEREADORA SUZANA DUARTE (CIDADANIA) APONTA DIFICULDADES PARA ACESSO A SERVIÇOS DE ESPECIALISTAS. O COMPLEMENTO À TABELA (BAIXÍSSIMA) DO SUS SERIA UMA ALTERNATIVA

“Observamos a remuneração para médicos especialistas, como urologista, pneumologista, no último
edital da Secretaria da Saúde, que é cerca de R$ 7 mil para uma carga horária de 20h. Apesar
de ser uma remuneração boa, sabemos que não é o suficiente para atrair estes profissionais,
haja vista que estes ganham muito mais no setor privado”.

Observação acima é da vereadora Suzana Duarte (direita na foto com a colega Elaine Moraes e o vereador Jair Júnior) que tem recebido demandas sobre dificuldade de acesso a serviços de especialistas custeados pelo SUS

O QUE SUGERE A VEREADORA?

Através de uma Moção Legislativa endereçada ao Secretário de Saúde (Claiton Camargo), presidente do Conselho Municipal de Saúde (Alex Amaral da Silva) e ao prefeito Ceron, a vereadora sugere que se estude a complementação da tabela SUS dos serviços de alta e média complexidade. “Nossa cidade sofre com uma grande escassez de profissionais da saúde, problema que muitas vezes acontece pelo baixo valor pago aos especialistas”, cita Suzana Duarte. “Recebemos diversas demandas a respeito da área da saúde, uma das mais frequentes é a demora para as consultas com especialistas e para cirurgias eletivas”, observa a vereadora.

ASSIM

A gente não tem conhecimento se técnica e juridicamente isso é possível. Seria remunerar um profissional que já estaria recebendo pelo serviço, através do SUS. Mas se houver manto de legalidade na providência, não deixaria de ser uma alternativa para tentar minimizar a demora na busca pelo atendimento nas consultas e procedimentos com especialistas.

Continue Reading
Geral

Omissões das comissões da Alesc

JURISTAS SE ESCANDALIZAM COM COMISSÕES DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA ACEITANDO PROJETO FLAGRANTEMENTE INCONSTITUCIONAL

Deputado Estadual Marcius Machado (PL) está no papel dele. Vê uma situação que mereceria ser revista ou tornada mais severa e inicia a cruzada para tentar mudança. Até porque, caso não prospere, não é por falta de tentativa. Entretanto, chama a atenção que o aparato de acompanhamento dos projetos que tramitam na Alesc não faz um filtro para impedir que algumas propostas acabem indo além para depois serem barradas.

DO QUE ESTAMOS FALANDO?

Um dos casos que mais chama atenção é do Projeto de Lei do deputado Marcius Machado tentando a criação de uma norma que puna (complementarmente) com pena pecuniária (multa), condenados por pedofilia. Ocorre que esse tipo de matéria precisaria passar por alterações em normas federais, não podendo cada Estado legislar de forma individualizada. Daí um pedófilo no Paraná ou Rio Grande do Sul teria um tipo de pena e sanção e Santa Catarina aplicaria tratamento diferenciado.

NÃO FARIA SENTIDO

Pelo menos três juristas que leram o post com o conteúdo publicado comentam que não faz sentido a lei em âmbito estadual, acrescentando punição aos que praticarem o referido delito. “Até é louvável que o deputado se preocupe em tornar mais severa a pena. Mas teria que pedir a um parlamentar Federal que articule em âmbito de Congresso. Ademais, existem Projetos de Lei na Câmara tentando atribuir maior severidade a esse tipo de delito”. Foi o que ouvimos na interpretação do assunto.

Há interpretação que algumas comissão da Alesc observam apenas condições de tramitabilidade, sem entrar no mérito do teor do Projeto de Lei. Mas no caso da CCJ – Comissão de Constituição e Justiça, essa tem poder/dever de filtrar normas que atentem contra a hierarquia das leis

***

Abaixo conteúdo publicitário!

EMPREENDIMENTO TERRA ENGENHARIA

RESIDENCIAL BÉRGAMO: PERTO DE TUDO

Residencial Bérgamo planejado pensando em seu conforto e privacidade, utilizando espaços de maneira eficiente e inteligente. Unidades de 2 e 3 dormitórios com opção de suíte, salão de festas mobiliado, academia, brinquedoteca e playgroundÁrea de coworking e sala de reuniões para atendimento home office.

Registro Incorporação: R3/41196

Continue Reading
Geral

A agenda de Ciro Gomes em SC

PRESIDENCIÁVEL DO PDT QUE APARECE EM TERCEIRO NAS PESQUISAS (ATRÁS DE LULA E BOLSONARO) CHEGA NESTA QUINTA-FEIRA, 28, AO ESTADO

Ex-vereador Amarildo Farias de Lages, que trocou o PT pelo PDT, compartilha o card acima apontando um dos eventos que Ciro Gomes participa nesta sexta-feira, 29.

FILIAÇÃO DE TONI DUARTE

O ex-prefeito, ex-vereador e até então presidente do Cidadania, Toni Duarte, estará nesse ato da Alesc, onde terá a filiação (ao PDT) abonada pelo presidenciável. Segundo Toni Duarte, esse deslocamento do Cidadania para o PDT ocorrerá de maneira individual. “Nenhum outro do nosso grupo se filiará ao PDT também”. Ao nosso grupo (político) ele se refere àquelas lideranças ligadas à deputada Carmen Zanotto, que segue (por enquanto) no Cidadania.

Toni Duarte aproveita que o cavalo está passando encilhado e, no estilho caudilho de Getúlio Vargas, chega a galope do PDT nesta sexta-feira, 29

***

Abaixo conteúdo publicitário!

QUINTA-FEIRA DO HORTIFRUTI NO MYATÃ

Parte do encarte com as promoções desta quinta-feira, 28, em toda a rede de Supermercados Myatã!

Continue Reading
Geral

Lages: Um mês sem mortes por Covid-19

Esse número triste de vidas perdidas para a pandemia na cidade não se movimenta (e essa é a notícia boa), desde 29 de setembro. O último lamentável óbito foi em 28 de setembro. É um mês sem registro de mortes pela doença. É uma das notícias positivas sobre a pandemia em Lages.

A outra notícia positiva está nesse card que integra o boletim diário da Secretaria de Saúde de Lages. Rompemos as 230.000 doses aplicadas da vacina contra a Covid-19. Considerando a meta de vacinação de adultos, Lages já ultrapassou, chegando a 103% do público alvo. São 124.062 adultos abrangidos pela imunização, com pelo menos uma dose ou dose única.

TEM UM DADO RUIM SOBRE A COVID-19 EM LAGES

O dado ruim destacamos ali com a seta em vermelho. Trata-se do número de pessoas que têm a doença positivada em Lages. Nos últimos três dias saltamos de 164 para 175 casos ativos. E no boletim atualizado da noite de quarta-feira, 27, o número chegou a 180 pacientes com a doença. São pessoas que estão internadas em UTI, enfermaria ou isoladas em casa.

***

Abaixo conteúdo publicitário!

CONFIRA UMA DAS PROMOÇÕES DA

SEMANA NO EMPÓRIO DAS CARNES

Cortes de raças britânicas abatidas nesta semana na promoção até o sábado, 30. Empório das Carnes na Avenida Carahá em Lages!

Continue Reading
Geral

Vem aí o ‘refis’ da Casan

PROGRAMA ZERA DÍVIDA PERMITE RENEGOCIAÇÃO DE DÉBITOS PERANTE A EMPRESA. ISSO PODE SER FEITO INCLUSIVE DE FORMA REMOTA

Começa nesta segunda-feira, 01, mais uma etapa do programa Zera Dívida que a Casan implementa para permitir que clientes renegociem faturas em atraso. Dívidas que deixaram de ser resolvidas até o término do primeiro semestre deste ano (30.06) podem ir para a mesa de negociação.

MAIS INFORMAÇÕES

O programa tem previsão de 70 dias (até 10.01.22) e busca oportunizar o pagamento de atrasados, evitando eventuais cortes de água por inadimplência. Quem possui débitos em discussão administrativa ou judicial deve verificar com os setores comercial e jurídico da empresa a possibilidade de acordo.

O pagamento em cota única permite 100% de desconto em juros e multas. E há outras opções, como demonstra a tabela acima

NA SERRA A MAIORIA É CASAN

Excetuando Lages que tem a gestão municipalizada do sistema de abastecimento de água, os demais municípios da Amures têm na Casan a referência para os serviços. Daí que o programa permite aos clientes dos diversos municípios da Serra Catarinense o benefício dessa espécie de ‘refis’ que a Casan implementa com a denominação de Programa Zera Dívida.

INFORMAÇÕES

Para aderir ao Programa ou obter mais informações, os interessados podem se dirigir a qualquer agência da Casan,  ou acessar o atendimento a distância no site www.casan.com.br (link aqui)

Continue Reading
Geral

Moisés vem autorizar obra Rufino a Urubici

ATUALIZANDO: NA TERÇA-FEIRA, 03, O GOVERNADOR ESTARÁ EM CAÇADOR. ASSIM, A AUTORIZAÇÃO DA OBRA DE ASFALTO NA SC-370 SERÁ EM OUTRA OPORTUNIDADE

O anúncio acima em tom comemorativo vem da prefeita Mariza Costa de Urubici sobre a vinda do governador Moisés para autorizar a obra. Trata-se da licitação para pavimentar o trecho entre o município que mais desenvolve a área turística da Serra Catarinense (Urubici) e Rio Rufino

Prefeita Mariza Costa (Urubici) em evento recente com o governador Moisés e a deputada Paulinha

Recentemente o próprio engenheiro Claiton Bortoluzzi (SEI) coordenou o trabalho de conferência complementar de dados para a elaboração do projeto que será licitado a partir desse anúncio do governador Moisés. Prefeito Erlon Tancredo acompanhou esse levantamento.

O QUE SIGNIFICA ESSA OBRA?

Considerando que o restante de chão batido da SC-370 na travessia da Serra do Corvo Branco será asfaltado, esse complemento (mais de 30 km) entre Urubici e Rio Rufino, permite que se saia de Lages, adentrando em Painel, passando por Urupema, chegando a Rio Rufino, depois Urubici e descendo o Corvo Branco, rumo ao litoral, todo asfaltado. É uma terceira alternativa de descida da Serra Catarinense (Rio do Rastro, BR-282 e agora Corvo Branco) rumo ao litoral.

Continue Reading
Geral

Justiça derruba liberação de máscaras

DECISÃO FOI EM CRICIÚMA, DEPOIS QUE O PREFEITO BAIXOU DECRETO NÃO EXIGINDO MÁSCARAS EM LOCAIS PÚBLICOS

O decreto 1.532/21 válido desde sexta-feira, 22, liberava a população de Criciúma do uso de máscaras em locais públicos.

Houve uma ação na 2.ª Vara da Fazenda Pública do município, com pedido de liminar e o magistrado, juiz Evandro Volmar Rizzo, não teve dúvida: concedeu a tutela de urgência tornando o decreto sem efeito.

Acima o embasamento do Magistrado ao visualizar que há normais Federais e Estaduais em vigor disciplinando o uso de máscaras. Daí os municípios, antes de tomarem decisões locais, precisam considerar aquilo que está legislado em âmbito hierarquicamente superior.

O QUE ISSO SIGNIFICA?

Embora Lages não cogite a liberação do uso de máscaras em locais públicos, e os gestores que decidem sobre o tema (secretário Claiton Camargo de Souza e o prefeito Ceron) sejam bastante atentos sobre isso, de se observar que não há um poder discricionário sobre o tema. Antes da tomada de decisões, carece de considerar os fatores, inclusive das normas que estão acima da competência municipal, para a referida liberação.

QUAL A REALIDADE DE LAGES?

Apesar de uma realidade absolutamente administrada, com dados animadores (estamos caminhando para fechar 30 dias sem mortes por Covid-19 na cidade), há ainda um dado incomodativo no contexto. No boletim de ontem (26.10) eram 175 pessoas com diagnóstico positivo para a doença em Lages. Estamos faz mais de 60 dias com esse número variando entre 140 e 200 casos de pessoas com a doença e, por isso, em tese, isoladas em casa. Daí liberar o uso da máscara, é bastante temerário. Embora se respeite aquilo que os gestores decidirem.

Nos bastidores sempre existe certa pressão pela liberação do uso da máscara em locais públicos. Seria um aceno de que a pandemia está vencida. Mas tanto o prefeito Ceron quanto o secretário Claiton sabem que com 175 casos ativos, embora outros dados sejam absolutamente positivos, ainda paira a preocupação da incidência da Covid-19 em Lages.

Continue Reading