Cotidiano

Prosa, máscara e fotaço na paróquia

A PARÓQUIA DE REVESGUEIO 

Revesgueio significa um olhar de relance. E foi nessa linha de relance esse retrato que Marlon Sá Molin fez da paróquia com seu drone numa visão da praça (da Catedral) em obras em direção ao Colégio Rosa, Tanque e o resto do mundo lageano!

GRINGOS NA PROSA

Se cotidianamente a prosa entre os gringos já é acompanhada de gestos e mais gestos com as mãos, usando máscaras então nem se fala…

Ceron e Jura procurando se entender sobre abastecimento de água, bombeiros por perto e a emergência na cabeça do Secretário da Semasa

Continue Reading
Cotidiano

Covid-19: Interpretação aos ‘casos de Lages’

No boletim epidemiológico divulgado semanalmente, a Secretaria da Saúde de Lages informa o número de pessoas que estão com algum tipo de suspeita relacionada à doença Covid-19 e que, por causa disso, há um monitoramento. No boletim a referência é para ‘casos monitorados’. Assim, chega-se a 154 pessoas que estariam nessas condições.

ENTRETANTO

Não se trata de pessoas com a doença. Se quer elas estão sendo submetidas a exames para verificação se possuem ou não o vírus. São apenas pacientes que apresentam um ou outro sintoma, alguns agravados por doenças pré-existentes e que, por isso, entram no radar como monitorados.

INCLUSIVE

Talvez o correto seria utilizar o termo ‘pessoas monitoradas’ e não ‘casos monitorados’ para não haver gente já saindo por aí apontando que Lages pulou de 39 para 154 casos. Até porque, isso não procede.

Esse gráfico do boletim do sábado, dia 02, quando tínhamos 35 casos confirmados (atualmente são 39) é bastante elucidativo.

SOBRE O GRÁFICO ACIMA

Refere-se aos 154 casos como não testados e em monitoramento. Longe de se poder afirmar que são ‘casos da covid-19’ visto que se quer houve coleta de material para exames para diagnosticar a doença, desses pacientes. É um gripão que pode até evoluir para o novo coronavírus (caso tenham contraído a doença), mas as autoridades de saúde locais tratam como situações em monitoramento.

ATENTEM QUE…

Em 40 dias (20 de março a 30 de abril), Lages fez 171 exames dos quais 133 verificados deram negativo para a doença. Era uma gripe mais forte nesses pacientes, portanto. Curioso que no sábado, com 35 casos, havia 03 pacientes esperando resultado de exames. E na segunda-feira, além dos 3 que aguardavam resultado, um quarto paciente também apresentou resultado positivo para a doença, chegando a 39 casos confirmados em Lages.

***

Continue Reading
Cotidiano

Estiagem: Lages decretará emergência

Prefeito Antônio Ceron assina na tarde desta quarta-feira, 06, o decreto colocando Lages em situação de emergência devido à estiagem. O documento está sendo elaborado pela Procuradoria do Município e atende os requisitos da Defesa Civil para confirmar essa situação de anormalidade especialmente no interior, devido à falta de chuva.

SOCORRO NO MEIO RURAL

De acordo com o prefeito Ceron, a partir desta metade de semana, as comunidades do interior passarão a receber água potável através de caminhão pipa. “Num gesto de parceria e apoio o Coronel Anderson que comanda o 1.º Batalhão Ferroviário nos cedeu um caminhão que está passando pelo processo de higienização e que abastecerá as comunidades rurais”, confirma Ceron.

POÇOS E ALERTA URBANO

Ainda segundo o prefeito Ceron, Lages e São Joaquim são os primeiros municípios abrangidos pela medida de abertura de poços artesianos nas comunidades rurais para abastecer grupos de família devido à estiagem. “Em âmbito de área urbana a situação está preocupante, mas sob controle visto que temos vasão suficiente no rio Caveiras para a captação. Houve um reparo no leito do rio onde ocorre a captação para reforçar essa garantia de abastecimento. Mas a estiagem exige alerta e consumo consciente”, resume o prefeito de Lages.

Ceron assim de guarda-chuva é só naqueles tempos que o engenheiro Claiton Bortoluzzi ainda peleava na equipe. A falta da chuva está levando Lages a decretar emergência para ajudar quem está tendo perdas e problemas em decorrência da estiagem.

 

ONDE JÁ HÁ ESTADO DE EMERGÊNCIA

NA SERRA POR CAUSA DA ESTIAGEM

Correia Pinto

Otacílio Costa

Abdon Batista

São Joaquim

Urupema

Vargem

Rios Desquite (que abastece Otacílio Costa) e Canoas, registram pouco acúmulo de água. Afluentes que abastecem o interior de Otacílio Costa também estão sem água. Daí a situação de emergência decretada no município.

No começo de abril compartilhava esse registro comparativo do rio Canoas em tempos normais e à esquerda com baixo volume de água. 30 dias depois a situação deve estar ainda mais complicada!

Continue Reading
Cotidiano

Missas sem fiéis presentes até 25.05

“COMO BOM PASTOR, ELE CUIDA DO SEU REBANHO”

A referência bíblica feita pelo Bispo de Lages, Dom Guilherme Werlang, introduz o decreto da Diocese sobre a manutenção da medida de suspensão de celebrações presenciais para fiéis na Serra Catarinense. O religioso escreveu sobre a necessidade de continuar com as transmissões das missas pelas rádios e mídias sociais e até dia 25 de maio prevalecerá essa determinação. “Confirmando a bonita experiência onde cada família tem a possibilidade de ser igreja doméstica”, diz Dom Guilherme.

O QUE FOI CONSIDERADO?

Para essa decisão com celebrações não presenciais de fiéis foram considerados fatores como o crescimento de casos do novo coronavírus em Santa Catarina. Ainda o fato de dioceses vizinhas terem optado pelo isolamento social. A localização da Diocese de Lages que favorece à grande mobilidade humana também foi levado em conta. Mas o principal fator de manutenção da medida é o grande perigo de contaminação quando há aglomeração de pessoas.

Dom Guilherme encerra o decreto informativo sobre a suspensão das celebrações com presença de fiéis até 25 de maio com a seguinte observação: “Em tempos de coronavírus, sejamos propagadores do amor e da misericórdia”.

CUIDADO COM TEMPLOS RELIGIOSOS

Força tarefa que fiscaliza ambientes para atendimento de regras de distanciamento tem percorrido vários segmentos em Lages. Vigilância Sanitária, PM e Defesa Civil fazem o trabalho de orientação e fiscalização. Templos religiosos estão entre aqueles ambientes visitados. Objetivo é orientar no sentido de evitar aglomerações. Apenas 30% da ocupação de tais espaços é permitida, seguindo o distanciamento entre os frequentadores, além do necessário uso de máscaras.

Registro do jornalista Pablo Gomes na visita a esse templo religioso de uma igreja evangélica, onde se observa o regramento de distanciamento e ocupação do espaço, bem como se faz diálogo com o pastor responsável pela pregação, obtendo dele ajuda para orientar os fiéis sobre os cuidados necessários nesses tempos de pandemia.

Continue Reading
Cotidiano

Estiagem e menos consumo d’água em Lages

Na live de domingo o prefeito Ceron disse ter recebido as planilhas de consumo de água nos meses de março e abril em Lages. Citou que o faturamento da Semasa reduziu por conta da diminuição do consumo. “Significa que mesmo em quarentena, o lageano está sendo consciente da economia de água por causa da estiagem”, atesta Ceron.

POÇOS ARTESIANOS

Segundo Ceron, há pedido de abertura de 185 poços artesianos nas localidades do interior de Lages. Citou que, de imediato, dois serão abertos para atender grupos de famílias cujas localidades estão com abastecimento precário. “Famílias que recebiam água canalizada oriunda de olhos d’água e esses secaram. Então vamos providenciar poços para não deixar essas pessoas desassistidas”.

Esse retrato que Marlon Sá Molin fez se reporta à metade de abril e aponta um rio Pelotas com quantidade mínima de água. Passadas duas semanas sem chuva, a situação é absolutamente mais precária

VAI CHOVER, MAS NÃO MUITO

Até semana passada havia no radar uma previsão de uns 30 milímetros de chuva nesta terça-feira, 05, em Lages. Há ainda essa condição de instabilidade, mas a quantidade de chuva a partir da tarde da terça será em quantia bem menores.

Foto: MSM Imagens Aéreas

Continue Reading
Cotidiano

Da paróquia: Fila na Caixa e obra na Praça

Ainda na quarta-feira, 29, engenheiro Francisco Pereira Neto, a título de curiosidade, compartilhava a imagem abaixo. Contrastava a obra a todo vapor na revitalização da Praça da Catedral (que é possível observar como está ficando) e as pessoas formando fila já nas primeiras horas da manhã para sacar o auxílio emergencial de R$ 600,00 na Caixa Econômica.

No mesmo registro as obras em ritmo acelerado na praça e, ao fundo e acima na direita, a fila em busca dos R$ 600,00 do auxílio emergencial

FILA MAIOR AINDA NESTA

VÉSPERA DE FERIADO

Central de Conteúdo da Clube FM 98,3 noticia a questão da fila desta quinta-feira, 30, para receber o auxílio emergencial na Caixa Econômica. Para dar uma ideia ao internauta, as pessoas estão aguardando na fila, por volta das 9 horas, nas imediações da Rua Correia Pinto no Centro. Mas com um detalhe: a fila começa na Rua Nereu Ramos, dobra a Frei Rogério pela praça da Catedral, vai na esquina do Memorial do Nereu e pega a rua Aristiliano Ramos em direção à Correia Pinto.

RAZÃO DA FILA

São pessoas que não possuem conta na Caixa e precisam sacar o auxílio emergencial do Governo Federal. Assim, precisam cumprir a via crucis até chegar à boca do caixa e efetuar o saque. Como não existe uma conta para que a transferência ocorra diretamente ao beneficiado e esse saque la lotérica ou faça débito de suas despesas, o caminho é a fila. Há ainda pessoas cujo pedido bateu na trave e essas estão indo à CEF para ver se regularizam alguma pendência.

Esse outro registro é compartilhado pelo colega Reginaldo Heine. A fila, como relatado, dobrou no monumento do Nereu e seguiu em direção à Rua Correia Pinto. Esse registro acima é das pessoas na Rua Aristiliano Ramos. A tendência é aumentar porque esses foram os primeiros a chegar para sacar os 600 pilas!

Continue Reading
Cotidiano

Liga de Doações: Quer saber como ajudar?

Para incentivar doações de alimentos, produtos de higiene, limpeza e itens médicos e hospitalares usados no combate ao Covid-19, a Fiesc criou a Liga de Doações Conecta SC. A iniciativa visa dar visibilidade para campanhas organizadas por instituições de todo o estado que buscam amenizar o impacto da pandemia causada pelo coronavírus. A referida liga faz parte do programa Eu Voluntário, que tem como propósito conectar pessoas dispostas a ajudar às necessidades das comunidades onde a Fiesc está inserida.

SAIBA MAIS

As instituições podem cadastrar as demandas gratuitamente na plataforma do programa Eu Voluntário, no site da Fiesc. A proposta é avaliada e, após a aprovação, divulgada na plataforma. As doações podem ser deixadas nas lojas da rede FarmaSESI que participam da ação ou diretamente na instituição a ser beneficiada, que também será responsável pela coleta, separação e distribuição dos itens arrecadados.

LAGES, OTACÍLIO COSTA E CORREIA PINTO

O Asilo Vicentino com clientela de 83 idosos com idade entre 60 e 110 anos é entidade inscrita para receber doações dessa iniciativa em Lages. Na cidade de Correia Pinto as doações são endereçadas à Secretaria de Assistência Social que atende famílias vulneráveis socialmente. E no município de Otacílio Costa as doações são destinadas ao Hospital Santa Clara.

Se você quiser ajudar, não tem contra-indicação. Além de Otacílio Costa, aqui na Serra Catarinense as doações ajudam famílias vulneráveis em Correia Pinto e idosos em Lages

***

Continue Reading
Cotidiano

Lançada licitação de espaço no Calçadão

Será aberta dentro de 30 dias – em 20 de maio – a Concorrência Pública 03/20. A referida modalidade de licitação se propõe a determinar o ente para operar imóvel situado no Calçadão da Praça João Costa. Não acessamos detalhes do certame, mas se refere à estrutura existente na ponta da construção situada no portal da principal praça de Lages.

São dois serviços previstos para funcionar na principal praça de Lages: Banca de jornais e revistas com venda de souvenires e referência para outros produtos e um café. O regramento é bastante minucioso, permitindo que a concessão onerosa seja explorada por qualquer interessado, desde que apresente a documentação e os requisitos atinentes.

***

TERRA IMÓVEIS ATENDE NORMAL

COM PROTOCOLO DE PREVENÇÃO

Consultores atendem presencialmente e orientam você sobre opções de imóveis da Terra Engenharia e outras ofertas disponíveis no mercado. Contacte com seu consultor (49) 999149 2327

Continue Reading