Polícia

Frota lageana passa dos 111 mil veículos

Polícia Civil de Lages, através da delegada regional, Luciana Rodermel, compartilha dados interessantes sobre a atuação da polícia judiciária lageana em 2018. Entre os números, chama atenção que os dados atualizados em 31 de dezembro apontam que Lages tem 111.074 veículos.

LICENCIAMENTO E…

Dessa frota, houve licenciamento (emplacamento) de 53.417 veículos no período e transferência de propriedade de outros 27.006. Nos dados consta que houve o registro de 3.405 novos veículos durante os 12 meses com uma média pouco inferior a 300 veículos novos adquiridos por mês.

VEÍCULOS APREENDIDOS

No relatório há um dado interessante. Considerando que a atuação da PM e Agentes de Trânsito foi mais discreta ano passado, por causa da série de afazeres, somando-se ao trabalho de PMR e PRF, houve apreensão com posterior liberação (atendidas as exigências) de 2.127 veículos apreendidos por infração de trânsito.

‘VEÍCULOS BRUXOS’

Se considerar os dados sobre licenciamento, há uma frota na clandestinidade circulando que, a partir de uma fiscalização mais rigorosa, irá aumentar muito o número de veículos apreendidos para regularização.

Registro mais recente que temos da delegada regional Luciana Rodermel, quando da assinatura do ato para pavimentar a rua da 2.ª DP. Através de sua equipe técnica, estão sendo divulgados neste 15 de janeiro os dados da atuação da Polícia Civil no ano passado.

MAIS NÚMEROS DA ATUAÇÃO

DA POLÍCIA CIVIL EM LAGES

Os dados abaixo se referem ao conjunto de registros do trabalho dos policiais civis nas três delegacias de Lages, assim como a DIC, Central de Polícia e DPCAMI durante o ano findado:

Atente-se para a grande quantidade de droga apreendida e o percentual dignificativo de elucidação de casos de morte violenta na cidade. Foram 85 mortes nos últimos 5 anos, sendo que apenas uma (ainda) não foi elucidada. A sociedade deve reconhecer esse trabalho de excelência dos Policiais Civis!

Continue Reading
Polícia

Ladrões capotam carro em fuga na BR-282

Ocorrência inusitada e que causou transtorno para quem fazia o trecho de Lages em direção ao Oeste pela BR-282. Inusitada por causa das circunstâncias que envolveram o aparato aéreo da PM (Águia 04), capotamento de veículo e até atuação dos socorristas dos Bombeiros.

Dupla aproveitou o descuido de um cidadão que deixou o veículo Gol com a chave na ignição, furtou o automóvel e empreendeu deslocamento pela BR-282.

MAS…

Logo depois da fronteira do Cerrito com Lages, sentindo-se acuados pela perseguição, a dupla acabou por tombar o veículo Gol, causando danos de elevada monta no veículo e susto nos gatunos. Até a equipe dos Bombeiros foi ao local socorrer os capotantes, diante da hipótese de alguma gravidade. Mas que nada, foram apenas arranhões, susto e cenas que pareciam de filme.

Aí estão os dois capotantes estendidos no acostamento depois da imperícia que resultou no acidente. Manobra poderia ter colocado em risco a vida de outros usuários da rodovia. Mas ao invés de uma sova, ainda receberam a atenção dos socorristas.

P. S.

Essas fotos foram feitas pelo advogado João Carlos Matias que retornava de Campos Novos e cuja ocorrência gerou um bloqueio na rodovia de umas 2 horas.

Continue Reading
Polícia

Quanto de dinheiro pode se transportar?

Quem leu a notícia sobre os dois milhões e duzentos mil pesos argentinos flagrados pelos policiais rodoviários aqui em Lages com um casal pode ser pensado que se trata de uma fortuna. Mas que nada. Como cada real dá para comprar – no mínimo – cinco pesos argentinos, o valor equivale a pouco mais de R$ 220 mil. A dúvida é qual o limite de dinheiro em espécie que pode ser transportado sem precisar dar explicações.

ASSIM

Transportar dinheiro, independente da quantidade (inclusive em malas) desde que comprovada a procedência, não é crime. Sem comprovação, o valor superior a R$ 10 mil resulta em apreensão para explicações e até perda do montante em favor do Tesouro Nacional. Esse tipo de ocorrência é processada na PF e o dinheiro depositado na CEF até o desdobramento e esclarecimento do assunto. A lei sobre o assunto é de R$ 1965.

Os 2,2 milhões de pesos argentinos apreendidos em Lages estavam sendo transportados de Floripa para a cidade gaúcha de Porto Xavier

Continue Reading
Polícia

Sicoob: DIC soluciona assalto no Cerrito

Policia Civil, por meio da DIC de LAGES, com auxílio da DEIC da capital, elucidou o crime de roubo à agência do Sicoob de São José do Cerrito, ocorrido no dia 7 de maio deste ano. Naquele dia, homens encapuzados, usando coletes balísticos e armas como pistola, revolver e sub-metralhadora, invadiram a agência fazendo reféns e usando populares como escudo humano para adentrar ao estabelecimento, de forma que além de roubarem o banco, levaram também o revolver e o colete do vigia.

DESDOBRAMENTOS

Na fuga os assaltantes incendiaram um Peugeot 207 que também era roubado. Investigações, que duraram sete meses, concluíram que os autores do crime, residem na região de Itajaí e Balneário Camboriú, sendo contumazes na pratica de assaltos. A quadrilha investigada foi presa em flagrante em Ilhota no mês de junho deste ano, em uma tentativa de roubo à agência do Sicoob daquela cidade. “Existem ainda fortes indícios que este seja o mesmo bando que assaltou o Sicoob de Campo Belo do Sul no mês de março deste ano”, informa a DIC.

O veículo que foi ateado fogo na fuga do assalto ao Cerrito. Os seis integrantes do bando que atuaram no Cerrito foram indiciados pela DIC pelo crime cometido que se somará às outras práticas delituosas sobre as quais eles respondem.

Continue Reading
Polícia

D. Pedro: Morre skatista que bateu em carro

Informação compartilhada no grupo Notícias No Ato do colega Jatir Fernandes aponta que o esqueitista identificado como Gustavo, 18 anos, que acabou se chocando contra um veículo GM Meriva quando fazia manobras na contra mão na Avenida Dom Pedro II na semana passada, não resistiu aos ferimentos e acabou vindo a óbito nas primeiras horas desta segunda-feira, 17.

O veículo atingido pelo rapaz que fazia manobras na descida da Avenida Dom Pedro II. O condutor ainda tentou desviar ao avistar o esqueitista, porém o choque, por causa da imprevisibilidade foi inevitável. O acidente foi na quinta-feira, 13, e durante esse período o quadro do atropelado era bastante grave.

E AGORA?

Cabe à perícia técnica levantar as circunstâncias do acidente. Mas vídeos de câmeras existentes no local indicam a manobra imprudente do rapaz, sendo bastante improvável que se fosse outro veículo/motorista não tivesse ocorrido o mesmo desdobramento. Infelizmente o acidente acaba sendo uma forma trágica e lamentável de alerta para que haja mais cuidado em relação à utilização de skate nas pistas de rolamento de vias públicas.

Continue Reading
Polícia

Lavagem: Cerrito no mapa de operação da PF

Operação Hooponopono desencadeada pela Polícia Federal em Santa Catarina incluiu um mandado de busca e apreensão em São José do Cerrito. A investigação apura lavagem de dinheiro por parte de um suspeito de enriquecimento ilícito. Trata-se de um desdobramento de uma operação de dois anos atrás. A PF não divulga nomes e nem circunstâncias daquilo que está investigando.

ENTRETANTO

O mandado no Cerrito pode estar relacionado à venda de uma propriedade ao suspeito, sendo que o mesmo teria pago, mas sem transferir o imóvel para o próprio nome como forma de camuflar a destinação do dinheiro conseguido por vias ilegais. Em Floripa houve a apreensão de R$ 170 mil em espécie pela PF no âmbito da mesma operação em desenvolvimento.

Essa imagem é do dinheiro apreendido na Capital, mas sem informações sobre o investigado por enriquecimento ilícito com ramificação inclusive no município da Serra

Continue Reading
Polícia

Salto Caveiras: Rapaz pega 24 anos de prisão

Além de se evidenciar a severidade da lei quando o assunto é latrocínio, episódio aponta a agilidade do Judiciário em Lages. Em março deste ano o jovem Gustavo Henrique de Jesus Seta da Silva, 21 anos, após combinar um encontro com o empresário José Tadeu Laurentino, 60 anos, acabou se desentendendo com o mesmo e o matando. O crime ocorreu após o jovem levar a vítima e o carro desta em direção ao Salto Caveiras. Após o crime, Gustavo pegou R$ 300,00 da vítima e o aparelho celular. Isso configurou latrocínio.

SENTENÇA NESTA SEMANA

Ministério Público da Comarca de Lages denunciou Gustavo Seta por latrocínio e ocultação de cadáver, já que teria colocado o corpo de Laurentino num buraco perto onde teria cometido violência contra a vítima. Em sentença na 2.ª Vara Criminal (latrocínio, como se sabe não vai a júri popular) o jovem de 21 anos foi sentenciado a 23 anos de prisão por latrocínio e mais 1 ano por ocultação de cadáver. Além dos 24 anos de prisão, ainda houve fixação de multa no valor de 22 salários mínimos.

Gustavo, cuja pena de 24 anos é passível de recurso, mas a sentença somou o latrocínio e a ocultação de cadáver em ação do Ministério Público que recebeu sentença da 2.ª Vara Criminal de Lages

Continue Reading