Cotidiano

ADR: Nota sobre saída na Regional de Saúde

Porque existem mudanças apenas no chamado núcleo duro do Governo do Estado – primeiro escalão – chamou a atenção a saída da Gerente Regional de Saúde na Serra Catarinense, a servidora e enfermeira Camila Baccin. Entretanto, seu desligamento do cargo ocorreu por opção própria dela, dentro da ideia de priorizar os estudos já que ela cursa Doutorado na UFSC.

ADR SE MANIFESTA

Para afastar qualquer burburinho o secretário João Alberto Duarte (ADR) fez questão de emitir nota onde consta, entre outros conteúdos:

“Eu ainda insisti para ela continuar no cargo, mas a Camila foi irredutível. Ela foi uma grande servidora e, junto com sua equipe, colocou a gerência regional da Saúde de Lages em nível de destaque nacional com trabalhos como a recente instalação da unidade de AVC do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres e a Rede Cegonha”.

DOS BASTIDORES

Quem conhece o perfil técnico de Camila Baccin sabe o quanto ela batalhava por algumas demandas do setor de saúde na Serra Catarinense. Consta que esse trabalho inclusive enfrentou algumas resistências e dificuldades, situação que  procurava vencer. Houve certo chateamento por parte dela com uma situação ou outra gerada na Regional de Saúde, mas realidades que procurava superar. Que a pessoa que a substituir tenha jogo de cintura e persistência, porque é uma área complexa e complicada.

Registro de arquivo que temos de Camila Baccin que optou por não mais gerenciar a área na Saúde do Estado na Serra

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *