Cotidiano

Corona em Lages: Seis isolados, nenhum caso

Gabinete Emergencial de Prevenção e Acompanhamento do Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, emitiu o segundo boletim depois da criação dessa estrutura. Os levantamentos de dados mostram que Lages não apresenta nenhum caso confirmado e nenhum caso sob suspeita da infecção.

SEIS PESSOAS ISOLADAS

Permanecem em isolamento domiciliar seis pessoas. Todas elas não apresentam sintomas característicos do coronavírus, contudo, cumprem quarentena de 14 dias (tempo de incubação do vírus). A razão é o contato dessas pessoas com grupos expostos ao risco da doença ou oriundas de viagens onde há focos do vírus.

Até agora não houve procura por parte de pessoas com suspeitas para coronavírus junto à UPA. Os contatos telefônicos que existiram para esta Unidade, relacionados ao coronavírus, buscaram esclarecimento de dúvidas com técnicos de enfermagem e enfermeiros.

PRIMEIRO POR TELEFONE

Integrantes da administração, como o fez o procurador Agnelo Miranda, estão compartilhando os telefones que devem ser acessados, caso haja suspeitas: (49) 3251-7601 e 3251-7602. Ideia é que as pessoas recebam orientações iniciais por telefone e não vão às unidades de saúde com eventuais sintomas, inclusive para não ocorrer transmissão, numa eventualidade de casos positivos.

PEDIDO AO GOVERNADOR

Prefeito Antonio Ceron enviou ofício ao governador Carlos Moisés. No documento solicitou abertura imediata de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e leitos cínicos no Hospital Tereza Ramos. O Gabinete Emergencial foi instituído para monitorar e executar protocolos diante de eventuais casos.

Ceron quer ajuda do Estado para disponibilizar mais espaços para atendimento hospitalar no Tereza Ramos. Nesse sentido enviou documento ao governador Moisés fazendo essa solicitação

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *