Cotidiano

Funerárias ‘de fora’ querem atuar em Lages

Três empresas que atuam no ramo funerário fora da Serra Catarinense se credenciaram para participar da licitação que vai escolher cinco para atuar em Lages. Uma delas de um grande grupo que é praticamente certo – pelo poderio de bancar propostas – que estará entre as vencedoras do certame. Atualmente sete empresas atuam em Lages. Dessas, seis apresentaram documentação para participar da licitação que aconteceria dia 06.

ADIAMENTO

Na boca da noite da segunda-feira, 06, informando à Hora da Corneta na Clube FM, secretário Arruda apontou que o TCE/SC atendeu provocação de um dos participantes e determinou a suspensão (e não cancelamento) do certamente. A providência é para que a prefeitura reveja um dos itens constante no processo licitatório. Pelo que o apresentador do Clube Comunidade, Adilson Oliveira, soube – e compartilhou no programa da Clube FM, a prefeitura teria fixado uma previsão de valor demasiado elevado em relação ao quantum a ser praticado para cada sepultamento. “Isso será corrigido e um novo prazo estabelecido”, confirma o secretário Arruda.

A licitação desenvolvida pela prefeitura atende Ação Civil Pública promovida pelo MP que exige o cumprimento da lei 3.028/03. A licitação visa criar regras e, em tese, não deverá elevar custos de sepultamentos.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *