Cotidiano

Gripe: Lages começou vacinar às 7h

Um dos desafios nesta semana é vacinar a população com mais de 60 anos e manter o distanciamento para prevenir a transmissão do Covid-19. Nesse sentido cada município está adotando rotinas próprias. Municípios menores onde a clientela é de quantitativo reduzido, a providência é a vacinação domiciliar. Em Lages um aparato foi montado para garantir a aplicação da vacina contra a influenza, minimizando riscos de contágio.

Nas primeiras horas da manhã o deslocamento à central de vacinas, mas sem aproximação entre as pessoas

PM ajudou a garantir as determinações e a tranquilidade nas providências em Lages

QUANTITATIVO

Lages pretende vacinar 113 mil pessoas contra a gripe (influenza). Isso representa 72% da população. A secretária Odila Waldrich (Saúde) aponta que essa vacina vai contribuir para minimizar demandas em relação ao Covid-19. “É que essa vacina previne a gripe comum. E assim as pessoas não tendo a influenza, não se angustiam pensando serem portadoras do Covid-19. É importante que todos sejam imunizados”.

Compartilhe

1 comentário para: “Gripe: Lages começou vacinar às 7h”

  1. A determinação no começo não era A exposição de idosos na vigilância. Seria vacinados em lugares amplos co.o salões de igrejas e outros. Mas da forma que o Lageano está levando a sério o vírus. Hoje tinha até idoso caminhando nas ruas centrais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *