Cotidiano

Multa a 211 km/hora também é inconsistente?

Não foi ‘especialista’ ou questionamento externo. É através de um ato de ofício da autoridade de trânsito de Lages – sim, o diretor de trânsito tem essa designação pelo CTB – que se expediu procedimento anulando notificações de trânsito emitidas num período de 90 dias (dezembro a fevereiro).

QUE MULTAS SÃO ESSAS?

São aquelas por excesso de velocidade atestadas pelo radar móvel e portátil manuseado pelos agentes de trânsito cuja numeração inicial é zero e foram expedidas na última virada do ano.

RAZÃO DA ANULAÇÃO

O ato ex-officio – aqueles que independem de provocação de terceiros – decorre de inconsistências nos referidos autos. Em outras palavras, não se cumpriu os requisitos legais previstos para essas notificações – e somente para essas do referido período e iniciadas com zero. Embora entre a autuação e a expedição da multa haja um prazo para apresentar nome do condutor e defesa, aqueles donos de veículos que já pagaram a reprimenda inconsistente, poderão comprovar isso junto à Diretran e receberão os pilas de volta.

ISSO É NORMAL?

Não é comum, mas é normal. É melhor você anular pela inconsistência e abranger toda a coletividade atingida pela medida do ente público, que atender somente aqueles que recorrerem da situação.

Não faço ideia se a multa do anitense condutor do Audi A3 flagrado no começo de fevereiro (dia 11, né?) a 211 km/hora começa por zero. Se iniciar, ele se livra de uma tremenda dor de cabeça

Compartilhe

1 comentário para: “Multa a 211 km/hora também é inconsistente?”

  1. BOA TARDE
    ESSAS NOTIFICAÇÕES QUE ESTÃO SENDO CANCELADAS EX-OFFICIO , FORA M COMETIDAS NO MÊS DE DEZEMBRO 2018/JANEIRO 2019. PORTANTO ESSA NOTIFICAÇÃO É VALIDA.
    GRANDE ABRAÇO

    Newton Silveira Jr.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *