Economia

Alerta SC: Tão grave quanto a pandemia…

O COFEM é uma espécie de fórum das entidades que existe em Lages, porém tal estrutura é no âmbito de Santa Catarina. Estão nesse guarda chuva instituições como a Fiesc, Fecomércio, Faesc, Fetrancesc, Facisc, FCDL e Fampesc. Todas as forças vivas da economia catarinense estão representadas nesse conselhão que emitiu o seguinte posicionamento nesta segunda-feira, 30:

“O COFEM solidário com a sociedade neste momento grave, mas ciente de suas responsabilidades, avalia que, no atual cenário, a paralisação da economia poderá ter consequências sociais tão graves quanto a própria pandemia”.

CENÁRIO

“Passadas duas semanas de quarentena em Santa Catarina, com redução drástica ou interrupção total do faturamento, as empresas estão diante da necessidade de honrar compromissos como a folha de pagamento e diversos outros, enquanto grande parte das medidas de apoio anunciadas não se materializaram na prática ou se mostram insuficientes”

APELO

“Preservar a vida dos catarinenses é prioridade. Sem minimizar a seriedade do problema, contudo, as entidades empresariais catarinenses defendem que, seguindo rigorosos protocolos de segurança e isolamento de grupos de risco, seja autorizada a volta gradativa, mas imediata, das atividades econômicas”.

INCUSIVE…

“Sem isso, muitas empresas, especialmente as pequenas, fecharão e os já elevados níveis de desemprego se ampliarão fortemente. O setor empresarial defende o equilíbrio entre a preservação da saúde da população e a possibilidade de evitar o caos. Quem está premido por uma folha de pagamento ou uma família para alimentar sabe o que é isso”.

ALÉM DISSO

“As federações empresariais esperam do setor público ações concretas de redução de custos e revisão de prioridades no uso do recurso público. São exemplos disso o adiamento das eleições de 2020, com o redirecionamento do fundo partidário para o enfrentamento da crise, e a concessão de férias e redução de jornada de trabalho do funcionalismo. O custo da crise não pode ficar restrito à iniciativa privada e seus trabalhadores”.

A manifestação acima tem a Fiesc como âncora e a concordância unânime dos dirigentes das demais entidades que representam o setor produtivo de SC

Compartilhe

2 comentários para: “Alerta SC: Tão grave quanto a pandemia…”

  1. Existem posições (infelizes) como essa, que não merecem sequer serem comentadas. Vamos apoiar o direito à vida das pessoas.

  2. Sim… os Empresários tem muitas razões para pensar desta forma… Contudo que eles lembrem que o presidente que eles elegeram está se lixando para eles… se lixando para o Brasil… Pior está fazendo todo o esforço para transformar os Empresários nos maiores responsáveis pelo caos e pela morte de milhares… e alguns estúpidos estão caindo nessa.. se deixando .. MAIS UMA VEZ.. se fazer de massa e manobra… e indo para as ruas mostrarem suas verdadeiras faces.. as faces da crueldade e da soberba…. a Economia que se media a custa da vida, da dignidade e da liberdade dos trabalhadores acabou junto com a escravidão…

    Será que esses empresários não estão sabendo o que o Governo Alemão fez para apoiar a economia Alemã, neste período de caos??? Que a Inglaterra fez.. o que o Japão fez.. o que os EUA está fazendo??? o que Itália, Espanha e tantos outros países civilizados estão fazendo???

    Nesses países onde têm um primeiro mandatário da nação (aqui não temos) eles estão dizendo: O momento é gravíssimo. Sim nos teremos uma crise econômica, talvez a maior até agora. Mas fiquem em suas casas. VIVAM. Fiquem o mais tranquilos possível diante deste cenário da morte. VIVAM. O Estado vai amparar a todos. Juntos encontraremos as saídas para a retomada da economia. Mas agora VIVAM… . Lá não há Neros enlouquecidos querendo incendiar Roma..

    Aqui temos U$ 320 bilhões de reservas, quase R$ 1 trilhão de depósitos compulsórios no Banco Central, sendo remunerado aos Bancos pelo povo, Bilhões de reais de renuncias fiscais para saciar a fome das grandes empresas por lucro.. Só Santa Cataria em 2019 doou (em Renuncias Fiscais) R$ 5 bilhões para os mega empresários. São Paulo mais de R$ 50 bilhões. Rio de Janeiro mais de R$ 30 bilhões… Temos mais de R$ 154 bilhões só de sonegação neste ano (vide a pagina do sonegômetro – http://www.quantocustaobrasil.com.br/). Temos os Impostos sobre as Fortunas.. que nunca foram cobrados… e que está sendo calculado em R$ 240 Bilhões… E não temos um governo capaz de apresentar uma proposta tranquilizadora, capaz de manter a economia minimamente estável para um prazo de 3 a 4 meses..

    O que impede vocês EMPRESÁRIOS de exigir que o presidente que vocês elegeram apresente um Plano Emergencial de apoio a Economia, minimamente descente??? Porque são tão corajosos para saírem as ruas e de dentro de seus luxuosos veículos, convocar o povo a sair para o suicídio coletivo??? e tão omissos e covardes para exigirem do seu presidente uma atitude civilizada???

    Façam uma conta simples… somos 7 milhões de catarinenses… se apenas 50% se contagiarem, serão 3.500.000. e apenas 1% disso (35.000) precisarem de UTI, nos proximismos 3 meses quantos serão atendidos??? 3.000??? 5.000??? E os outros 30.000 serão cremados e enterrados, onde???

    O lageanos pararam para fazer esta conta aritmética… ou ainda vão sair em carreata amanha 31/03, para defender seu “mito” insano, sob os aplausos e os incentivos da mídia bajuladora e servil???

    Façam os cálculos: Lages (que está manipulando as informações. Deixou de fora dos que estão em observação aquelas 40 pessoas que fizeram o cruzeiro a Itália) tem 160 mil habitantes. 50% de contágios: 80.000 pessoas: 1% precisando de UTIs 800 pessoas… Quantos mortos??? Quantos??? Agora multipliquem essas 800 pessoas por 3,7 (o percentual de mortalidade do vírus no brasil, até hoje.. e agora temos uma quantidade matematicamente possível de pacientes disputando uma vagas nos cemitérios de 2.960 pessoas… Nem vou falar aqui que Lages é o centro de tratamento hospitalar de uma região onde temos quase 300 mil habitantes…

    Outro calculo matemático nos diz que se em Lages a necessidade de internar os infectados em UTIS alcança a taxa de 5,2 (mesma taxa verificada em Santa Catarina, no dia de hoje) teremos 4.160 infectados, disputando desesperadamente um quarto de UTI em Lages… , . Quantos mortos??? quantos?? e se for da tua família??? Portanto escolhes… mas por favor.. não lamente depois…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *