Economia

Araucária: Manejo para renovar floresta

Faz 18 anos que uma portaria do Conama tornou a araucária intocável. Há razões e argumentos para isso, considerando o risco de extinção do pinheiro brasileiro. Entretanto, no momento que se impediu a derrubada de qualquer árvore, desincentivou o dono de terra a plantar ou manter na propriedade aqueles pinheirinhos recém brotados do chão. Resultado: Temos uma floresta cada vez mais velha, sem renovação. Isso também é ameaça para o futuro da araucária.

DAÍ QUE...

A proposta que se busca através de estudos de especialistas e articulação de lideranças políticas é o manejo da floresta. Significativa o corte de árvores que cumpriram o clico (estão velhas) e o incentivo para que as novas árvores se proliferem. Alguns questionam que a ‘liberação’ levaria a um corte desenfreado. Porém, em tempos em que até um remédio de farmácia tem controle, não seria difícil monitorar cada corte. Até porque há atuação firme na fiscalização de estruturas como a própria Polícia Ambiental.

AUDIÊNCIA

É nessa linha de manejar para preservar que a audiência pública organizada pelo presidente da Câmara, Vone Scheuermann se tornou importante. Desde técnicos como João Francisco Adrien Fernandes do Ministério da Agricultura a Valdir Colatto da área Florestal do Governo Bolsonaro, além de analistas do Ibama e do IMA, todos se agregaram à discussão. Procurador da República, Nazareno Wolff, deputada Carmen Zanotto e a própria Polícia Ambiental se fez representar. Houve um passo interessante para rever essa barreira para o corte, sem que isso represente risco de extinção à araucária.

Uma discussão ‘adulta’ apontando possibilidades dentro de uma realidade de cortar, mas sem desmatar e nem ameaçar a espécie

O interesse pelo assunto fica evidente na audiência realizada em plena noite de sexta-feira, lotando o Teatro Marajoara

***

CONSTRUTORA TERRA TEM

MAIS NOVIDADE EM LAGES

Vem aí o Mirante da Boa Vista.

Empreendimento está em fase de lançamento. Em breve a temporada de pré-venda. Informações antecipadas você pode obter no telefone (49) 99162 6278. Mais uma obra com a marca da Construtora Terra 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *