Economia

Berneck: Prefeitura se manifesta sobre laudo

Município de Lages se manifestou a respeito da avaliação judicial feita para definir o quantum da área a ser desapropriada para a instalação da unidade da Berneck. Como se sabe, há um questionamento sobre os valores da área e mais os pinus plantados ali às margens da BR-116. Numa avaliação do município se apontou um valor de R$ 2,57 milhões e a família dona da área fez uma avaliação superior a R$ 6 milhões pela terra nua e mais as árvores.

ENCAMINHAMENTO

A magistrada que cuida do caso, Juíza Karina Peiter, designou perito oficial que apresentou laudo onde o valor fica R$ 927 mil a mais que aquela avaliação do município. Um valor bem abaixo daqueles mais de R$ 6 milhões avaliados pela família.

Ao se manifestar sobre essa avaliação de perito oficial, o município de Lages, através do Procurador Fabrício Rabelo, informou que a Prefeitura está disposta a depositar o complemento ao valor avaliado (esses R$ 927.075,03) para ter a imissão de posse da área. Os outros R$ 2.570.000,00 já foram depositados.

QUESTIONAMENTO

A Procuradoria informou nos autos discordar, a partir de dados técnicos, da avaliação apresentada pelo perito oficial. E entende ser possível depositar o valor a mais levantado, ter acesso à imissão de posse e, enquanto isso, discutir o teor da avaliação apresentada.

O QUE SE ESPERA AGORA?

Espera-se a manifestação da família proprietária da área para informar se aceita a avaliação com os R$ 927.075,03 a mais, totalizando R$ 3.497.073,03 pela terra e pinus. E também uma decisão parcial da Magistrada, dizendo se dará a imissão de posse à área (para a prefeitura encaminhar de imediato à Berneck) enquanto se discutirá detalhes técnicos da avaliação  judicial.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *