Economia

Perícia: Mais 947 mil a área para Berneck

Com a posição da família Schroeder em não aceitar o valor de avaliação feito pela Prefeitura de Lages para desapropriar parte da área onde se instalará a Berneck, o magistrado que cuida da causa nomeou o perito João Messias Correa. Seu trabalho foi definido pelo valor de R$ 5.518,00. No dia 8 de maio aconteceu a perícia in loco, quando Messias visitou a área alvo da avaliação. As partes (família e prefeitura) foram intimadas para, querendo, acompanhar o trabalho pericial.

LAUDO CONCLUÍDO

Na sexta-feira, 11, o perito designado pelo Judiciário concluiu e apresentou a avaliação independente. A partir disso, houve despacho para que num prazo de 15 dias as partes se manifestem. Significa que tanto a prefeitura quanto a família proprietária do pedaço de terras que receberá a unidade da Berneck, manifestar-se-ão sobre o valor de avaliação. Pela área de 566.425,00 m² a avaliação foi de R$ 2.920.063,05. Bem acima dos R$ 2.400.000,00 avaliados pelo município, porém abaixo que os R$ 11,00 o metro quadrado solicitado pela família.

E AGORA O QUE ACONTECE?

O Magistrado que cuida do caso, a partir da inclusão da perícia oficial, intimou as partes para que, em 15 dias, manifestem-se sobre o laudo e os respectivos valores. Em concordando, a prefeitura pagará mais esse meio milhão de reais à família proprietária e se resolve. Caso a família não concorde, nesse caso, poderia contestar a própria perícia.

A imagem acima é uma das que ilustra cuidadosamente a perícia. As terras a serem desapropriadas é essa circulada em branco. A outra em vermelho escrito AM 07- PML- SEARA já fi desapropriada porque a Seara Alimentos aceitou a oferta do município na avaliação apresentada.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *