Esporte

Inter: Mais matemática para evitar queda

Estou aqui mastigando a tabela do Campeonato Catarinense para encontrar uma fórmula mágica que mantenha o Internacional da Séria A no ano que vem. Mas não tem jeito. O time tem que conseguir um resultado positivo fora de casa contra o Brusque. Existe uma pequena chance do colorado não cair para a segundona em caso de empate com o Brusque. Mas daí o Hercílio Luz teria que perder com placar de 3 a 0 ou mais para o Criciúma (essa partida será no Heriberto Hülse).

OUTRO RESULTADO

Fora essa hipótese bastante improvável (derrota do Hercílio por mais de 3 para o Tigre) – embora o Criciúma tenha chances de terminar o campeonato em terceiro se vencer o Hercílio -, o outro caminho para o Inter não mergulhar no inferno da Série B é a vitória simples contra o Brusque.

CONFRONTO DIRETO

O problema é que, nesse caso, diante de uma eventual vitória do Hercílio em cima do Criciúma, quem cairia seria o próprio Brusque. Daí que o time da terra da Havan não vai vir de sangue doce contra o Inter.

Para piorar a situação o atacante Max – que marcou contra o Tubarão na cobrança de pênalti tendo o Vantuir Rech (Clube FM) como testemunha – não joga domingo. Aliás, se eu mandasse no time, o Max não jogaria domingo e nem nunca mais no Inter de Lages

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *