Geral

2022: Até Moro disputando em SC?

SE DEPENDER DO PODEMOS, EX-MINISTRO PODE INTEGRAR MAJORITÁRIA. SIGLA QUER TAMBÉM EX-DEPUTADO GABRIEL RIBEIRO

Em âmbito de Lages que tal o cenário do vereador Jair Júnior e o ex-deputado Gabriel Ribeiro num mesmo partido? Ambos já estiveram juntos no PSD e agora o Podemos, onde Jair está filiado, quer Gabriel Ribeiro para concorrer no pleito de 2022. O convite está feito a Gabriel que tem trabalhado em Lages e na Serra na advocacia.

Gabriel Ribeiro pode trocar o PSD pelo Podemos? Articulação de bastidores para isso já existe…

MAS O PODEMOS QUER MAIS…

Porque tem casa em Balneário Camboriú e isso lhe dá duplo domicílio eleitoral, o ex-ministro Sérgio Moro está sendo sondado para se mudar de mala e cuia para Santa Catarina. O Podemos quer Moro integrando uma majoritária em 2022. Ocuparia a vaga da sigla na disputa ao Senado. Logicamente é uma amarração que, se consolidada tem reflexo, inclusive em Lages, visto que Colombo pode concorrer ao Senado. Daí entre o lageano e o ex-ministro, nem precisa apontar o desdobramento das urnas.

CAMILO, O ARQUITETO

Quem atua nessa retaguarda de articulação no Podemos é o ex-prefeito Camilo Martins, que fez gestão exemplar em Palhoça. Paulinho Bornhausen é uma espécie de presidente de honra da sigla e acompanha a movimentação. Camilo é nome certo para ocupar espaço estratégico na disputa de 2022. No mínimo ocupa a vaga para concorrer a Estadual, no lugar do pai, deputado Nazareno Martins, eleito em 2018 pelo PSB.

Da nova safra de lideranças em Santa Catarina, Camilo Martins que já administrou Palhoça até dezembro do ano passado tende a ser um dos agregadores da disputa para 2022

E Sérgio Moro, ex-juiz e ex-ministro, se não entrar num projeto nacional (a presidente ou vice) deve disputar ao Senado. Disputaria pelo Paraná ou SC. Nesse segundo caso, o Podemos quer Moro em suas fileiras. O registro acima é de 2019 quando Moro estava Ministro da Justiça em prosa rápida com Carmen Zanotto

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *