Geral

61,4%: A resistência da vacina às crianças

SEIS EM CADA DEZ MUNICÍPIOS ENFRENTAM RESISTÊNCIA À VACINAÇÃO DAS CRIANÇAS COM MENOS DE 12 ANOS CONTRA A COVID-19

Os dados fazem parte de um levantamento feito pela CNM em todo o Brasil. O levantamento se refere ao período de 07 a 10 de março. Foram realizados contatos com as áreas afins de 2.132 cidades e dessas houve relato da dificuldade de imunização daqueles com menos de 12 anos em 61,4% dos municípios.

LAGES NA LISTA DA RESISTÊNCIA

Entre esses 61,4% em que se encontra resistência para imunização às crianças com idade entre 5 e 11 anos está Lages. Aqui a aplicação de doses chegou a 6.294 crianças na referida faixa etária. Isso corresponde a 43% do público alvo. E como todas as estratégias de convencimento foram executadas, acredita-se que Lages não chegará a aplicar vacina em 50% do público alvo na faixa de 5 a 11 anos.

EXCLUSIVA NO TITO BIANCHINI

Fechada a quinzena de março nesta terça-feira, a partir deste dia 16, a Secretaria da Saúde adota nova estratégia de imunização, recolhendo a vacinação às crianças (5 a 11 anos) das UBS. A partir desta quarta-feira, 16, a imunização infantil ocorre somente no Tito Bianchini. “Essa mudança acontece pela baixa procura pela vacina por parte de pais e responsáveis para essa faixa de 5 a 11 anos”, justificou Mariana Decker, Gerente de Vigilância Epidemiológica, ao informar a mudança.

Mariana Decker confirma que a vacina para as crianças (5 a 11 anos) segue disponível, mas exclusivamente no Tito Bianchini, nesta segunda quinzena de março

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *