Geral

A reta final da campanha na Serra

NEM SÃO DUAS SEMANAS. SÃO 12 DIAS QUE NOS SEPARAM DE IR ÀS URNAS DECIDIR OS ELEITOS A ESTADUAL, FEDERAL E SENADO. GOVERNO E PRESIDÊNCIA DEVE SE ENCAMINHAR PARA SEGUNDO TURNO

A polarização nacional deve levar a disputa entre Bolsonaro e Lula para o segundo turno. Essa é a tendência normal e natural, considerando a movimentação. Registre-se que caso o cenário nacional fosse o de Santa Catarina, Bolsonaro poderia resolver no primeiro turno, considerando as pesquisas registradas e exteriorizadas para o público.

E AO GOVERNO DE SC?

Qualquer pessoa que apontar quem são os candidatos que estarão no segundo turno em Santa Catarina estará mentindo. É muito indefinido o cenário. Há a aparente vantagem do governador Moisés ser um dos nomes no enfrentamento de segundo turno, mas nada é garantido. Há suspeita de maquiagem nas pesquisas – mesmo as registradas – causando confusão. Impossível um candidato estar muito bem em um levantamento e muito mal em outro. Mesma interpretação em relação à disputa ao Senado. São estranhos os dados e passa impressão que cada candidato ‘adotou’ um instituto.

CORRIDA ELEITORAL NA SERRA

Se nas disputas Federal e Estadual é coisa para a mídia além fronteiras interpretar, em âmbito de Serra Catarinense o que chama atenção é a disputa a Estadual, onde temos mais de uma dúzia de candidatos a uma vaga na Alesc. São 14 nomes ao todo dos quais no máximo 4 com viabilidade e outros 10 só potencializando o nome para embates futuros. Alguns registros da peleia no trecho.

O segundo maior colégio eleitoral da Serra Catarinense é foco de candidatos como Samuel Ramos. Além de Otacílio Costa e Correia Pinto, São Joaquim recebe toda a atenção do candidato do União Brasil.

Mochila nas costas, propaganda na mão e lá está Marcius Machado com sua espontaneidade na prosa direta com o eleitor. Ele busca uma possível, mas difícil reeleição!

Fiquei devendo esse registro da semana passada quando da mobilização feita pelo MDB ao candidato à reeleição Carlos Moisés em Curitibanos. Lá estava Juarez Mattos que busca uma vaga à Alesc com Pinho Moreira, Elizeu Mattos, prefeito Baldessar, ex-prefeito Denílson Padilha (ambos de Otacílio Costa).

Um dos candidatos do PSD em Lages, Gerson dos Santos, fez caminhada no bairro Guarujá, evidenciando que de gente para trabalhar com ele, o time está bem!

Um retrato na frente da linha férrea (com o CAV ao fundo), mostrando a mobilização da equipe que está no trecho com a tarefa de entregar santinhos e reforçar o nome e o número de Gerson dos Santos

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *