Geral

Berneck: Licenças em Lages e Curitibanos

Com a ampliação da unidade de Curitibanos e implantação da planta industrial em Lages, a Berneck aporta R$ 2,2 bilhões em investimentos. São R$ 1,6 bilhão na unidade lageana e outros R$ 600 milhões na ampliação em Curitibanos, às margens da BR-470. Para as duas unidades, o IMA emitiu licenças para os passos seguintes dos empreendimentos. Para Lages veio a LAO, que é a licença ambiental que permite o início das operações. Já a ampliação de Curitibanos obteve a LAI – Licença Ambiental de Instalação, o passo inicial para o aumento de capacidade da unidade.

AS LICENÇAS

O CEO da Berneck, Andre Fauth, explica que, para poder operar de forma regular e receber a LAO, foi preciso cumprir as três fases de licenciamento ambiental na unidade de Lages: a Licença Ambiental Prévia (que analisa a viabilidade ambiental do empreendimento), a Licença Ambiental de Instalação (que permite a realização da obra e instalação de equipamentos) e a Licença Ambiental de Operação. “A Berneck cumpriu todas essas etapas e comprovou que a fábrica de Lages está em conformidade com a legislação ambiental”.

AINDA SEGUNDO FAUTH…

“Estamos aumentando em 40% nossa capacidade produtiva. Vamos atender mais clientes no mercado nacional e aumentar as exportações. O Governo do Estado foi muito eficiente, tratou tudo de uma maneira célere e profissional desde a primeira apresentação do projeto da fábrica de Lages. O apoio do atual governo foi fundamental para esse avanço. É um grande dia para a empresa”.

Com Santa Catarina de Alexandria por testemunha à parede, os documentos nas mãos do governador Moisés entregues a Fauth e Daniel Berneck, CEO e o outro diretor industrial da empresa, com o prefeito Ceron por testemunha

Governador Moisés durante o ato na fala com o secretário Álvaro Mondadori

E aqui a entrega das licenças, no trabalho técnico liderado pelo presidente do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), Daniel Vinicius Netto

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *