Geral

Covid-19: Óbito após um ano em Urupema

CIDADE SERRANA FOI A ÚLTIMA DOS 18 MUNICÍPIOS A REGISTRAR ÓBITO PELA COVID-19. NESTA SEMANA MORREU A QUARTA VÍTIMA DA DOENÇA, APÓS UM ANO SEM ÓBITOS

A cidade mais fria do Brasil que remete ao risco de doenças pulmonares devido às baixas temperaturas foi a última entre os 18 municípios da Amures a registrar óbitos em decorrência da pandemia. A primeira morte em Urupema foi registrada um ano após o início da pandemia, no dia 9 de março do ano passado. Um homem de 28 anos, sem comorbidades, acabou falecendo por complicações da doença. No mesmo março ocorreu o óbito de uma mulher de 83 anos e no dia 1.º de abril de 2021 a última morte, uma mulher de 70 anos.

UM ANO DEPOIS

Depois daquelas três vítimas no intervalo de três semanas no ano passado, Urupema voltou a registrar, infelizmente, mais uma perda. Nesta quarta-feira, 23, um homem de 53 anos que apresentou sintomas 10 dias antes, não resistiu às complicações e faleceu. Foi a quarta morte por Covid-19 em Urupema.

Nem as baixas temperaturas típicas entre maio e agosto em Urupema influenciaram na letalidade da Covid-19 no município. As quatro mortes ocorridas até agora foram no mês de março do ano passado e uma delas neste março de 2022.

CIDADES DA AMURES COM MENOS

DE 10 ÓBITOS POR COVID-19

Capão Alto………………….03 óbitos

Cerro Negro………………..04 óbitos

Urupema……………………..04 óbitos

Bocaina do Sul…………….05 óbitos

Palmeira………………………05 óbitos

Painel………………………….06 óbitos

Rio Rufino…………………..07 óbitos

Bom Jardim…………………08 óbitos

Capão Alto não é o município com menor população da Amures. Mas é aquele que registrou menos morte por Covid-19 até agora

Fotos: MSM Imagens Aéreas

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *