Geral

Eleitor cabreiro para receber santinhos

QUEM ENTREGA PROPAGANDA VÊ RESISTÊNCIA

Fizemos rápida abordagem para a Central de Conteúdo da Clube FM a uma equipe que tem aquela tarefa comum em tempos de campanha eleitoral, de efetuar a entrega de santinhos (a propaganda eleitoral de candidatos) nos bairros de Lages. Nada como ouvir dessas pessoas sobre a reação do eleitor para acessar esse material que, em tese, ajuda na definição do voto.

ALERGIA DE SANTINHO

Segundo as manifestações coletadas, há eleitores dizendo até que têm alergia ao papel, para justificar a recusa em receber a propaganda eleitoral. Outros moradores orientam para que se deixe o material na caixa do correio ou embaixo da porta. E ouvimos mais: “E quando abordamos indagando se a pessoa já tem candidato, até para apresentar o nome daquele que estamos trabalhando, muitas respostas são de que não pretendem votar em ninguém”.

QUESTÃO DA PANDEMIA

Esse comportamento arredio do eleitor, numa postura bem cabreira decorre, principalmente, da preocupação com a Covid-19. Embora essas trabalhadoras que efetuam a entrega, mantenham os protocolos de distanciamento e prevenção, a simples entrega de santinho deixou de ser uma tarefa tranquila, para se constituir em mais um desafio em tempos de pandemia.

Tiramos as impressões contidas neste post a partir da abordagem que fizemos a essa equipe que entregava santinhos de um candidato a vereador no bairro São Sebastião em Lages

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *