Geral

Estado não para entre Natal e Ano Novo

GOVERNADOR MOISÉS DETERMINA QUE NÃO HAVERÁ RECESSO DE FINAL DE ANO

Ao retornar ao governo, Carlos Moisés tem demonstrado um outro pique e estilo de gestão. Dialogando com poderes, com destaque à boa relação com o parlamento, intensificando agendas ‘além das pontes’ e tomando medidas simpáticas como o não recesso prolongado de final de ano.

RECESSO SÓ NA VÉSPERA

Se considerar o exemplo de anos anteriores as repartições estaduais fechariam as portas no dia 18 de dezembro e retornaria somente no dia 04 de janeiro. As duas semanas ‘enforcadas’ não eram consideradas férias ao funcionalismo estadual, mas recesso coletivo. Neste ano o recesso será somente na véspera do dia 25 e do dia 01. Nos demais, a labuta será normal.

DIZ O GOVERNADOR

“Tivemos um 2020 atípico, com uma grande crise provocada pela pandemia de Covid-19, além do registro de estiagem, ciclone e tornado em Santa Catarina. Precisamos trabalhar entre as festas de fim de ano, período que historicamente é de descanso, para que possamos começar 2021 mais atuantes e preparados para enfrentar esse momento de retomada econômica”.

O segundo tempo do mandato de Moisés tende a ser bem mais integrativo e de resultados, a partir dessa postura de gestão diferenciada daquilo que se testemunhara até o ‘gancho’ que levou no processo de impeachment

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *